PEIXE PODRE 4

Numa outra troca de emails obtida pela Polícia Federal na Operação Fugu, o empresário Dario Vitali, da Vitalmar, dá orientações sobre como se livrar de camarões vencidos.

“Vejam um amigo que tenha um restaurante, vendam para ele, e TESTEM o produto, assim nos livramos de um problema e ainda faturamos de imediato.”

5 comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200

  1. O problema do Brasil é a falta de “justiça”.
    Quando a justiça funcionar em nosso país, tudo vai melhorar.
    Em um país em que os ricos e poderosos não temem ir para a prisão, casos como estes sempre vão ocorrer.

  2. Eu conheço a História de um cara que ficou riquissimo comprando em Santos camarão podre, levava para Campinas e ficava fresco, depois para ITU e o camarão virava Lagosta e depois vendia em São Pulo.

  3. Num país em que políticos, governantes e autoridades (com raras exceções)
    roubam e enganam o próprio povo, negam-lhe os direitos mais básicos, como
    saúde e segurança, por exemplo, não é de todo estranho que outros optem por
    seguir o exemplo.
    Não é só o peixe ou a carne. É tudo!
    Todos estão alterando embalagens e também os produtos, mas vendendo pelo
    mesmo preço ou até mais caro. Só não enxerga, quem não quer!
    Os grandalhões nada sofrem, porque dispõem de condições financeiras para
    comprar o melhor.
    Quem sofre mesmo é o povo, única e maior vítima da cruel gangue de bandidos
    que domina o país e subjuga o povo.
    Do trombadinha da esquina às altas esferas dos Poderes (repito: com raras exceções),
    o povo é a vítima, diariamente atacada, desrespeitada, aviltada.
    Somos reféns!

    1. Concordo com tudo dito acima!! E seu investigassem o que acontece por exemplo, em clínicas e hospitais públicos e particulares ninguém mais teria coragem nem de passar na porta desses antros! Afirmo isso porque sou da área de saúde há mais de 20 anos!!!