Perderam, playboys

Os nadadores americanos Gunmar Bentz e Jack Congerr, retirados pela PF do avião que os levaria de volta para casa, passaram quatro horas na delegacia do aeroporto internacional do Rio e saíram sem prestar depoimento.

O advogado dos malandros, segundo os jornais, disse que tudo foi uma “aberração jurídica”: a retenção do passaporte, a condução coercitiva e por aí vai.

Aberração é usar a tragédia da violência carioca para fazer comunicação falsa de crime e, assim, evitar que o amigo Ryan Lochte perdesse a namorada modelo e coelhinha da Playboy, depois de uma farra com mulheres.

Aliás, parece que Lochte perdeu mesmo a namorada.

Faça o primeiro comentário