Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

'Perguntou se eu queria ir com ele, mas disse que não', diz mulher de Lázaro

Ela relatou as últimas conversas que teve com o serial killer antes da Chacina no Distrito Federal
Perguntou se eu queria ir com ele, mas disse que não, diz mulher de Lázaro
Foto: Divulgação/PMDF

A mulher de Lázaro Barbosa Sousa, o serial killer do Distrito Federal, revelou ao Metrópoles as últimas conversas que teve com ele antes da chacina no Incra, no último dia 5.

O casal está junto há 4 anos e tem uma filha, de 2. A mulher, que pediu para não ser identificada, afirmou que eles moravam em casas separadas até março deste ano, quando passaram a dividir um imóvel em Ceilândia.

Segundo ela, na terça-feira anterior ao crime, Lázaro disse que ia embora, para não “prejudicar a família”.  A jovem de 19 anos relatou que o serial killer pegou um celular, que ambos dividiam, e a convidou para morar em um “lugar longe” com ele, mas a proposta foi recusada.

“Falou que iria procurar um local para morar longe. Perguntou se eu queria ir com ele, mas eu disse que não.”

Assim como a mãe de Lázaro, a mulher pediu que ele se entregue à polícia, que entrou hoje no décimo dia de buscas.

Queremos que acabe esse sofrimento. Ele tem que pagar pelo que ele fez, assim como todo criminoso.”

Ela também que a família tem sofrido ameaças devido aos crimes cometidos pelo maníaco.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO