PF apreende R$ 400 mil em dinheiro vivo na Operação Rizoma

A Polícia Federal apreendeu R$ 400 mil em dinheiro vivo na casa do doleiro Edward Gaede Penn, um dos alvos da Operação Rizoma, deflagrada hoje.

Segundo as investigações, Penn é ligado a Arthur Pinheiro, apontado como cabeça do esquema de lavagem de dinheiro e pagamento de propina para gestores dos fundos de pensão Postalis e Serpros.

Outros alvos da Rizoma, como já publicamos, são o lobista Milton Lyra, operador do PMDB, e o petista Marcelo Sereno.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

Ler mais 8 comentários
  1. Se investigarem a fundo este esquema o papel do Marcelo sereno , vão ver que o esquema não se resume só a estes dois fundos. Ele junto com aquele Japones que já morreu montaram um mega esquema para delapidar os fundos de pensão no governo lula. Basta investigar a núcleos. Fundo de pensão da nuclebras

  2. PF , MPF, MUITÍSSIMO OBRIGADO. NÃO fossem vcs estaríamos totalmente à mercê do crime. Em breve , escórias humanas como Roberto Requião, Gleisi Hoffman, Gilmar Mendes, Lula, … estarão no aterro sanitário da história!