PF busca ligação de Renan com doleiro

Telegram

No pedido de mais prazo para investigar Renan Calheiros, mostrado mais cedo por O Antagonista, a Polícia Federal disse que vai cruzar dados de uma planilha entregue pelo doleiro Vinícius Claret, o Juca Bala, com informações prestadas pela Odebrecht.

Renan e Romero Jucá são suspeitos de receber R$ 5 milhões da empreiteira em 2014 em troca de benefícios tributários aprovados numa medida provisória.

Acusado como operador de propinas de Sergio Cabral, Juca Bala fechou acordo de colaboração, no qual disse que fez entregas para a Odebrecht. Os dados que forneceu poderão comprovar o repasse do dinheiro.

Comentários

  • Gilvan -

    O nome desse coronel da politicagem brasileira vai aparecer sim. Esse elemento é patriarca da corrupção na política.

  • REVOLTADO -

    #ForaRenan

  • Paula -

    Renan Calheiros tem 18 inquéritos parados no STF. E os Ministros do STF possuem vários pedidos de impeachment arquivados na gestão de Renan como Presidente do Senado.

Ler 43 comentários