PF deve ouvir chefe de gabinete de Temer

Andréia Sadi informa que a Polícia Federal deve ouvir, ainda neste mês, a chefe de gabinete de Michel Temer, Nara de Deus, na investigação que apura suposto pagamento de R$ 10 milhões da Odebrecht ao MDB em 2014.

Nara é uma das assessores mais antigas de Temer.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. o preço do silêncio: Ela já está com cargos (JETONS) em Conselhos Fiscais de 4 Empresas Diferentes para turbinar seu salário mensal: CAESB DF, IRB BRASIL, BB MAPFRE e SESC.

Ler mais 15 comentários
  1. o preço do silêncio: Ela já está com cargos (JETONS) em Conselhos Fiscais de 4 Empresas Diferentes para turbinar seu salário mensal: CAESB DF, IRB BRASIL, BB MAPFRE e SESC.

  2. o preço do silêncio: Ela possui 4 cargos (JETONS) em Conselhos Fiscais de 4 Empresas Diferentes para turbinar seu salário mensal: CAESB DF, IRB BRASIL, BB MAPFRE e SESC.

  3. Está na hora do Bolsonaro , por um stop em toads estas malandragens, e a assessora que deve ter recebido a sua cota de pixuleco do chefe , vai dizer que não sabia e nunca viu nada.

    1. o preço do silêncio: Ela tem 4 cargos (JETONS) em Conselhos Fiscais de 4 Empresas Diferentes para turbinar seu salário mensal: CAESB DF, IRB BRASIL, BB MAPFRE e SESC.

  4. Quando os investigados são os corruptos do PMDB, PSDB e aliados a alta sociedade podre fala que não é roubo e sim desvios de verbas públicas, essa gente tem cérebro de periquito desvios de verba=roubo

  5. Esperar mais tempo para ouvir essa depoente, pedir adiamento nas instigação que envolve o corrupto Temer, a Raquel Dodge engavetando a terceira denúncia, o fachin e o Barroso aliviando para o Temer.