PF encontra planilha com nome de governador de Roraima na casa de empresário

A busca na casa do empresário Jean Frank Padilha Lobato, considerado o operador de Chico Rodrigues (DEM-RR) no desvio de verbas de combate à pandemia em Roraima, levantou na Polícia Federal a suspeita de envolvimento do governador Antonio Denarium.

Foi encontrada uma planilha de Excel, dentro de um HD externo, nomeada “DENARIUM”.

“Tal fato chamou a atenção da equipe, na medida em que, quando demos conhecimento ao investigado de que o mandado tinha sido expedido pelo Supremo Tribunal Federal, ele disse assustado: ‘Supremo? O Governador está envolvido?'”, relatou a PF.

Na planilha, havia uma lista de nomes que a PF ainda não havia conseguido ligar aos fatos investigados. Os agentes sugeriram extrair os dados do disco rígido para recuperação de dados “possivelmente apagados”.

No mesmo HD, os agentes encontraram um documento em formato Word “sobre possível defesa da empresa [Quantum] em relação às acusações de desvio referentes às dispensas de licitação”.

Os agentes também apreenderam comprovantes de transferência bancárias, notas fiscais e propostas de preços de insumos hospitalares, ramo da Quantum. Há indícios de sobrepreço na revenda de luvas e óculos de plástico.

Na casa de Jean, os agentes encontraram cronograma de destinação de verbas de R$ 19 milhões, “o que aparentemente trata-se dos recursos provenientes da emenda do senador Chico Rodrigues”.

Na investigação, a PF também observou a proximidade do senador com o governador, que também é aliado de Jair Bolsonaro.

O inquérito registra que, em discurso no plenário no Senado em outubro do ano passado, Chico Rodrigues “demonstrou satisfação com a gestão” de Denarium. “O Governador Antônio Denarium tem feito mágica”, afirmou na ocasião.

“Há fortes indícios de que este parlamentar teria grande influência no Governo de Roraima”, diz a PF.

Em nota, a Secretaria de Comunicação afirmou que o governo de Roraima “ainda que não teve acesso e nem tomou conhecimento do conteúdo dessa suposta planilha“.

“Todas as investigações que estão ocorrendo no âmbito da saúde estadual, foram feitas a partir das denúncias do próprio governador, que deu ciência aos órgãos de controle das irregularidades que encontrou pedindo providências”, diz a nota.

Leia mais: ao se aliar ao Centrão, o presidente se cercou de vários políticos que são alvo de investigações ou já se tornaram réus
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 40 comentários
TOPO