PF intima advogado que criticou Bolsonaro

PF intima advogado que criticou Bolsonaro
Foto: Reprodução/redes sociais

O advogado Marcelo Feller foi intimado pela PF por ter criticado Jair Bolsonaro num programa de TV.

É mais um abuso vergonhoso do ministro da Justiça, André Mendonça, que tem usado a Lei de Segurança Nacional para perseguir as opiniões contrárias ao seu chefe.

O advogado disse para o Estadão:

“A maneira como eu recebi a notícia foi até, de certa forma, cômica.”

No programa de TV, exibido em 13 de julho do ano passado, Marcelo Feller citou um estudo da Universidade de Cambridge, em parceria com a FGV, segundo o qual os atos e discursos de Jair Bolsonaro contra o isolamento social podem estar por trás de pelo menos 10% dos casos – e até mesmo de mortes – de Covid-19 registrados no Brasil.

Em seguida, ele usou termos como “genocida, politicamente falando”, “criminoso” e “omisso” para se referir ao presidente.

Leia mais: A causa desse desgoverno é política, como mostra a Crusoé desta semana.
Mais notícias
TOPO