PF investiga mais 15 empresas na Acarajé

A Polícia Federal solicitou à Petrobras cópia dos contratos celebrados pela estatal com 15 empresas suspeitas de integrarem o esquema do marqueteiro João Santana.

Os investigadores suspeitam que os contratos possam ter servido de fachada para repasses de propina.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200