PF obtém planilha de pagamentos da Codesp a empresa ligada a operador de Temer

A Polícia Federal incluiu no inquérito dos portos uma planilha com os registros de pagamentos da Codesp à empresa Tecnolimp, que somam R$ 60 milhões.

Os pagamentos se referem ao período de 15 anos do contrato da empresa, que é suspeita de ter como sócia oculta a Eliland Brasil, usada pelo coronel João Baptista Lima Filho, operador de Michel Temer.

O documento faz parte da lista de elementos apresentados ao STF, na sexta-feira passada, pelo delegado Cleyber Malta Lopes para obter a renovação do prazo das investigações.

Comentários

  • Claudino -

    Não há chances de Temer ser preso! Ele se tornou o pior dos mortais para a mídia e os "comunas", por suceder a anta chamuscada da Dilma e ajudar a afundar o PT. NOTARAM?!

  • Claudino -

    Vergonhoso noticiaram ilações como estás. Deviam ter vergonha nas fuças. Temer não cairá, desistam! Só conseguem fazer mimos nos mortadelas ...

  • Leonardo -

    Vejam como a noticia é maliciosa. É o "operador" do Temer. Poderia ser qualquer conhecido do Temer, até empregado de guarita de predio mas o importante e colocar em evidência o nome do Temer. Em outro trecho aparece a "empresa que é "suspeita" de ser ter como sócia o operador do Temer. É "fake"!

Ler 12 comentários