Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

PGR denuncia governador do Amazonas e mais 17 por desvios na pandemia

PGR denuncia governador do Amazonas e mais 17 por desvios na pandemia
Foto: Isac Nóbrega/PR

A subprocuradora-geral Lindôra Araújo denunciou hoje por peculato, organização criminosa, dispensa e fraude de licitação o governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), e mais 17 pessoas por desvio de recursos públicos na compra de respiradores para pacientes com Covid.

Também foram acusados o vice-governador, Carlos Almeida (PTB); o secretário chefe da Casa Civil, Flávio Antony Filho; o ex-secretário de Saúde Rodrigo Tobias e mais 14 pessoas, entre servidores públicos e empresários, por participação no esquema.

A investigação envolveu a compra 28 aparelhos adquiridos, no ano passado, numa loja de vinhos — o prejuízo aos cofres públicos foi calculado em R$ 2,1 milhões.

A PGR acusou o governador de comandar a organização criminosa e de tentar embaraçar as investigações por meio da adulteração de documentos. A denúncia apresenta como provas documentos, depoimentos e trocas de mensagem entre os investigados.

Em caso de condenação, pede a perda do cargo de Wilson Lima e de servidores do Amazonas.

Lindôra Araújo ainda apresentou uma segunda denúncia contra Wilson Lima e três servidores por desvios no fretamento de aeronave para o transporte de respiradores.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO