PGR e JBS: a primeira reunião

O diretor jurídico da J&F, controladora da JBS, Francisco de Assis e Silva, foi quem se encontrou com integrantes da Procuradoria-Geral da República cinco dias antes de Joesley Batista gravar uma conversa que teve com o presidente Michel Temer no dia 7 de março.

Em depoimento na semana passada dentro do procedimento aberto para rever a delação dos executivos da J&F e dele próprio, Francisco revelou, segundo O Globo, ter conversado no dia 2 de março com o coordenador do grupo de trabalho da Lava Jato, Sérgio Bruno, e com o chefe de gabinete da PGR, Eduardo Pelella, sobre a delação que executivos da empresa desejavam fazer.

“Que nessa primeira reunião trouxe treze itens, detalhados por assunto, mas não eram anexos; que o décimo-terceiro item era o SIF, sistema de inspeção federal; que depois disso estourou a ‘Carne Fraca’; que por isso ligou a Sérgio Bruno pedindo que lembrasse que um dos itens entregues era o SIF”, registra o relatório do depoimento de Francisco.

19 comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200

  1. E Marcelo Miller?!
    E Weller Tomaz??!!
    E Ridrigo Janot???!!!
    Assuntos convenientemente escondidos embaixo do tapete pelo Antagonista e pela Globo durante esse período de férias Toscanas?
    Dependência de vazamentos para viver é realmente um problema…

  2. Frank Sinistro disse: 7 de outubro de 2017 às 16:38
    Excelente comentário de um dos poucos sobreviventes da escumalha jornalística da globo bandida e golpista, reforçada pelo seu puxadinho, o antagolixo.
    São três os que se salvaram da imoralidade e da vassalagem jornalística dos “profissionais” da globo bandida: Alexandre Garcia, Camila Bonfim e Guilherme Fiúza.
    O resto, o resto são prostitutas de luxo!
    DEVASTADOR!! Alexandre Garcia MATA a CHARADA, DEMASCARA Janot e Bota uma PÁ de CAL na COVA de LULA
    https://www.youtube.com/watch?v=h3ffYM4Wj9w

  3. o Empirocanista tentando embaralhar as cartas para salvar seu padi padim ciço, o janota do pt
    Olhem o vigarista geral da república gaguejando ao afirmar que não houve encontros anteriores a “entabulação” (todo picareta gosta de falar bonito mostrando erudição) da delação dos friboi.

    JANOT: DA ARTE DE ENGABELAR PESSOAS
    https://www.youtube.com/watch?v=6RPAmjOQJnk

    O picareta geral da república, assim como lula, não sabia de nada, que seu braço direto tava acertado com o joeleyl

  4. SOBRE O COMENTÁRIO SIF…
    QUAACCCC…QUEM TRABALHA
    COM PRODUTOS PERECÍVEIS
    ESTÁ SEMPRE COM A CORDA
    NO PESCOÇO…
    ESTA ASSOCIAÇÃO
    PÍFIA DO PROCURADOR, PARA DAR
    AUTENTICIDADE E IMPORTÂNCIA
    AO TAL “RELATÓRIO” É PRIMÁRIA
    E DIGNA DE RISO, POIS DEU NO
    QUE DEU.
    PAREM COM ISSO TÁ???

  5. Tem muito caroço nesse angú. Ouvindo a gravação de Joesley e a irmã de Aécio, ele pergunta por uma pessoa que não é ele, por que? A impressão é que alguém mandou-a ligar; A PGR fez um estardalhaço e muita coisa agora poderá (ou não para preservar instituições) vir a público afinal quem estava com quem? A JBS pagou quase 2 mil políticos em pleno governo PT para que? E os políticos do PT? A vice presidência tinha tanto poder assim? Se sim, o que fez quem estava no governo concordou? Tirou sua lasquinha? E os 300 milhões de Dilma e Lula, por que nada é investigado? O ministro do stf que jantou em fazendo da JBS, voou no jatinho e andou para cima e para baixo com Ricardo Saud pedindo apoio dos senadores para sua indicação? Peraí, a imprensa tem um veio de ouro para explorar. Vão atrás com isenção.

  6. Depois dessa reportagem, três consequências:

    1. Delação e provas anuladas;

    2. Temer sai vitorioso da segunda Denúncia de Janot;

    3. Aécio não perde o cargo e o processo contra ele pode até ser anulado pelo STF.

  7. O Francisco da Silva, advogado da JBS deve entregar o áudio em que gravou a reunião na PGR, com o Miller atuando como advogado e Procurador na delação, por se só, basta.Não adianta ficar dando voltas, não vão chegar onde pretendem.A CASA CAIU!

  8. Meninos,
    vejam que coisinha esquisita.
    Em sala de aula, trabalho de escola sobre gênero. Que professora!
    No tempo de vocês tinha isso?
    Essa página denunciou e a fessora canhota reagiu!
    goo.gl/YWwqQC

  9. Os fatos. Procurador preso afirmando armação. O outro procurador Miller, todo envolvido com JBS. Esse era ligado a Janot. Minha opinião…Janot sempre soube de tudo..mas delegou a outros a tarefa e fingiu que não sabia até com Joesley. Óbvio que não negociaria pessoalmente.

  10. Homessa, Antagonistas! Quer dizer que a coisa foi maracutaia adrede preparada entre Janot e Joesley Safadão & Meliantes Associados mesmo, hein? E agora? Isto quer dizer que as gravações do Temer e do Aécio foram armadilhas preparadas já com o conhecimento da PGR, e, assim, são prova ilícita e não valem nada. Mais ainda, isto deve ser mais do que suficiente para colocar Janot pelo menos sob investigação braba com boa chance de xilindró para ele. Eu só possi imaginar como é que vocês devem ester se sentindo depois de terem apoiado esta maacutaia de terceira categoria todo o tempo, apesar de todosd os avisos e o bodum mortal de armação que emanava dela hein? Só posso dizer, mais uma vez, que vocês devem escoilher melhor os pilçantras a quem dão apoio e chamarem um pai-de-santo e/ou exorcista do primeirssímo time para ver se levanda a urucubaca letal que os assola, antes que isto tenha que fechar…

  11. Janot insistia que não houve encontro anterior com JBS. Procurador preso, que dará depoimento na CPI, diz que procuradores queriam pegar Temer. Tem que investigar, porque é óbvio que procuradores outros vão negar. Mas politicamente defesa de Temer ganha força. Até a de Aécio…embora a mala de dinheiro pra Aécio pese mais.