Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

PGR pede ao STF o arquivamento de investigação contra atos antidemocráticos

Inquérito é conduzido por Alexandre de Moraes e foi aberto a pedido da Procuradoria-Geral da República
PGR pede ao STF o arquivamento de investigação contra atos antidemocráticos
Foto: José Cruz/Agência Brasil

A PGR pediu ao STF o arquivamento da investigação sobre os atos antidemocráticos. O inquérito é conduzido por Alexandre de Moraes.

Em abril, o ministro do STF prorrogou por mais 90 dias o inquérito que mira bolsonaristas que atacam o STF.

A investigação começou após pedido da própria PGR, em abril de 2020, depois que Jair Bolsonaro participou de uma manifestação em frente ao QG do Exército pelo fechamento do Congresso e do STF.

Em suas investigações, a Procuradoria-Geral descobriu que os deputados bolsonaristas Bia Kicis, General Girão, Guiga Peixoto e Aline Sleutjes usaram recursos da cota parlamentar para divulgar esses atos.

Porém, na peça apresentada hoje, a PGR diz que a PF, apesar de inúmeras diligências, não conseguiu juntar provas suficientes que embasem uma denúncia.

“É um padrão que se repete sucessivamente nos relatórios produzidos nesse inquérito, e que lamentavelmente também é verificado nos resultados da verificação das contes de prova. O conteúdo dos discos rígidos, por exemplo, e o examinado apenas em dermos do que a interface do usuário do computador revela: arquivos, passas e aplicativos, todos organizados de forma organizada e independentes.”

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO