ACESSE

PGR quer investigar chefe de gabinete de Janot

Telegram

Na conversa ouvida pela repórter da Folha de S Paulo, o procurador Sidney Madruga, da equipe de Raquel Dodge, confidenciou a uma mulher desconhecida que a “tendência” da PGR é investigar Eduardo Pelella, chefe de gabinete de Rodrigo Janot:

“Não é para punir, é para esclarecer. É preciso entender qual é o papel do Pelella nessa história toda, porque está todo mundo perguntando”.

.

“Os investidores não devem se preocupar muito com o futuro da democracia no Brasil.” MAIS AQUI

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 19 comentários