Pimentel ganha mais um mês

Cármen Lúcia não pautou para abril a conclusão do julgamento da ação que deve garantir ao STJ o direito de abrir ação contra Fernando Pimentel sem autorização prévia da Assembleia Legislativa de Minas Gerais.

Uma vez aberta a ação, Pimentel poderia ser afastado automaticamente do cargo. O Antagonista não esquece que Carminha tratou com Pimentel a indicação do procurador-geral de Justiça.

Faça o primeiro comentário