Pinato, padrinhos e operadores

Relator do processo de Eduardo Cunha no Conselho de Ética, o deputado Fabio Pinato entrou para o PRB em 2013, tendo como padrinhos políticos Celso Russomanno e Vinicius Carvalho, pastor da Universal que presidiu o PRB em São Paulo.

O PRB de Russomanno e Carvalho tem um pé na Lava Jato, ou melhor, os dois pés.

Além da sociedade com o delator Augusto Mendonça (leiam aqui), que usava empresas laranjas para distribuir propina, Russomanno e Carvalho têm relação com o lobista Adir Assad, preso pela Lava Jato por emprestar suas empresas de fachada para escoar a propina recolhida da Petrobras por Augusto Mendonça.

A foto abaixo, publicada pela Veja em 2012, mostra a cúpula do PRB paulista em alegre convescote com Adir Assad e seu sócio Marcello Abbud.

Aulas de ética?

Faça o primeiro comentário