Pitoresco

O Brasil chegou a um tal ponto de degradação institucional que chega a ser pitoresco que Rodrigo Janot queira afastar Eduardo Cunha do mandato e da presidência da Câmara, porque o deputado usa os cargos para “fins ilícitos”.