Pivôs do escândalo dos transportes do PR voltam a frequentar Ministério dos Transportes

O ex-ministro Alfredo Nascimento, demitido por Dilma Rousseff em 2011 num dos primeiros escândalos de corrupção de seu governo, voltou a frequentar o Ministério dos Transportes.

Só este ano, foram diversas agendas com secretários e o próprio ministro Valter Casimiro, que é servidor de carreira do DNIT e foi subordinado a Nascimento, atualmente deputado federal pelo PR.

Chamou atenção de observadores do setor a agenda do dia 17 de abril deste ano, quando Casimiro recebeu, além de Nascimento, o ex-diretor-geral do DNIT Luiz Antonio Pagot.

Pagot comandou o DNIT na gestão de Nascimento e caiu em meio ao escândalo de cobrança de propina. Considerado um “fio desencapado”, passou uma longa temporada no exterior, bem longe da imprensa e do Ministério Público.

Segundo registro na agenda do ministro, o motivo da visita teria sido a “assinatura do contrato de adesão da ATEM Engenharia”, da qual o ex-diretor é consultor. Não há detalhes sobre a agenda de Nascimento.

No mesmo dia, o ministro recebeu também a visita dos deputados Aelton Freitas e Giovani Cherini, todos do PR.

 

 

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 16 comentários
  1. SEGURA ESSA: https://www.youtube.com/watch?v=77YD8824FaQ -Luiz Estêvão deve voltar ao cenário político,2018 no PRTB,convite de Levy Fidelix.Joaquim Roriz tb.”PRTB ANUNCIA MOURão COMO vice de bosalnaro

  2. Pelo andar da carruagem a falcatua e a cachorro gemas vai continuar no ministério dos transportes como se celebra contrato com corruptos e com empresas alvo de investigações? MANÉ SÓ DÁ LLALAU MPF.

  3. Esses ladrões não têm um pingo de vergonha e nem de temor! O Brasil precisa de Intervenção Militar e tribunal de Excessão urgente! Depois reclamam do DOI CODI!