ACESSE

Planalto avisa que não haverá coletiva da Saúde

Telegram

O Brasil tem mais de 58 mil mortes por Covid-19.

A pandemia não acabou — longe disso.

Hoje, houve nova aglomeração no Palácio do Planalto para a pomposa cerimônia de prorrogação do auxílio emergencial.

Mas nada de coletiva de imprensa do Ministério da Saúde.

Na semana passada, em comissão no Congresso, o ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello, disse que realizar entrevistas durante a pandemia é “tirar o pessoal da produção, do trabalho”.

Leia mais: A estratégia de Bolsonaro para chegar ao fim do mandato

Comentários

  • Maria -

    Eu não suporto a incompetencia, o despreparo e a antice desse Balofo. Absurdo um cara assim ser Ministro da Saúde em um País que nao sabe controlar a pandemia e pos para fora quem sabia: Mandetta.

  • Maria -

    A galera do velório tá triste!

  • RUI -

    A MAIOR PANDEMIA DO PAÍS NÃO É O COVID-19 MAS SIM O NAO-GOVERNO DO NAO-PRESIDENTE! SE ALGUÉM JÁ VIU, NA HISTÓRIA REPUBLICANA DO BRASIL UMA NULIDADE MAIOR, QUE O DIGA! GANHOU DE DILMA!

Ler 38 comentários