Planilha do condomínio indica que Élcio visitou Ronnie Lessa ao menos 11 vezes

O ex-PM Élcio Queiroz, apontado como comparsa de Ronnie Lessa no assassinato de Marielle Franco e de Anderson Gomes, entrou no condomínio Vivendas da Barra ao menos 12 vezes entre janeiro e outubro do ano passado.

Segundo planilhas obtidas pela Folha, em 11 dessas visitas Élcio teve como destino a casa de Ronnie.

“A única exceção é a entrada no dia do crime, 14 de março, quando a planilha manuscrita indica que a autorização de acesso na portaria foi dada por alguém da casa 58, onde vivia o atual presidente Jair Bolsonaro, então deputado federal.”

A citação ao presidente foi considerada equivocada na investigação porque Bolsonaro estava em Brasília naquele dia.  Além disso, segundo o MP, quem autorizou a entrada de Élcio em 14 de março foi Ronnie Lessa.

LULA ATACA. Leia aqui
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 116 comentários
TOPO