PM do Rio condenado por integrar milícia registra candidatura a vereador

PM do Rio condenado por integrar milícia registra candidatura a vereador

Condenado por integrar milícia, o sargento da PM do Rio Wainer Teixeira Junior foi solto por liminar do TJ do Rio e agora é candidato a vereador em Maricá pelo PSD, segundo O Globo.

Ele foi condenado em março a cinco anos e três meses de prisão pela juíza Roberta dos Santos Braga, da 2ª Vara Criminal de São Gonçalo. Três semanas depois, o desembargador Roberto Távora autorizou que o sargento responda ao processo em liberdade.

Na decisão que mandou soltar o PM, o desembargador citou a pandemia e disse que o Judiciário deve “afastar do cárcere aqueles já em condição de ficarem soltos”. A decisão foi mantida pela 7ª Câmara Criminal do TJ-RJ em agosto.

Wainer Teixeira continua na PM, na UPP Chatuba, mas só pode trabalhar em funções burocráticas, por ordem judicial. Em seus slogans de campanha, se define como “um homem de bem”.

Leia mais: O Centrão quer dominar sua 'casa'. Entenda como
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 17 comentários
TOPO