PMDB e PT novamente juntos

O socorro aos Estados caloteiros, aprovado pelos deputados ligados a Michel Temer, mostra que o impulso reformista do governo se esgotou com a PEC 241.

Diz Merval Pereira:

“A base aliada do governo, sua maior garantia de estabilidade política, mostrou ontem que também é sua maior fraqueza. Contra a orientação do líder do governo, uma maioria esmagadora nascida da união entre aliados governistas e a oposição liderada pelo PT aprovou a renegociação da dívida dos Estados sem nenhuma contrapartida.

Foram apenas 12 votos fiéis para o governo”.

Se é para fazer igual ao PT, é melhor derrubar Michel Temer.

Faça o primeiro comentário