Pode ficar tranquila, Dilma

O TSE também quer ganhar tempo.

Lauro Jardim informa que José Antonio Dias Toffoli “ainda não submeteu ao plenário do TSE a distribuição dos dois processos que correm na Corte que podem cassar a chapa Dilma/Temer por irregularidades na eleição de 2014.

Isso significa que é praticamente impossível que as ações sejam apreciadas pelo TSE antes do recesso. Ou seja, ficou para 2016″.

Pode ficar tranquila, Dilma.

Faça o primeiro comentário