Pode isso, Arnaldo?

Raquel Dodge afirmou ao STF que informações recebidas de autoridades da Suíça justificam o avanço de investigações contra Arnaldo Cezar Coelho, seu irmão Ronaldo Cezar Coelho e mais duas pessoas, informa o site Jota.

O inquérito envolve também José Serra e foi aberto no Supremo a partir de delação premiada da Odebrecht. Ele apura o possível recebimento de vantagens indevidas referentes à construção do Rodoanel Sul.

O MPF quer analisar movimentações de quatro empresas “possivelmente usadas para a movimentação de valores ilícitos”, com dados até 2013/2014. Não há detalhes sobre quais dados se referem aos irmãos Cezar Coelho.

Em sua delação, o ex-diretor da Odebrecht Carlos Armando Paschoal disse que pagou ilegalmente R$ 23 milhões à campanha de Serra em 2010 e que Ronaldo –empresário e ex-deputado– teria sido responsável por acertar parte desse valor.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 13 comentários
  1. O que irrita, ennoja, desanima, é o tempo que leva uma acusação dessas, ainda que com provas cabais, para se tornar PUNIÇÃO de fato. No mínimo 3/4/5 anos, com otimismo, o normal, 10/15/20, arquive-se!