Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Política armamentista do governo facilita a vida de bandidos

Política armamentista do governo facilita a vida de bandidos
Foto: Carolina Antunes/PR

A política armamentista do governo federal tem facilitado também a vida de bandidos, mostra a Crusoé desta semana.

Os quatro decretos editados pelo presidente Bolsonaro na véspera do Carnaval não só deram mais poder de fogo aos chamados CACs, mas também podem municiar indiretamente quadrilhas e milícias.

Uma investigação sigilosa da Polícia Civil de São Paulo apura o uso de armas e munições registradas em nome de laranjas por facções criminosas como o PCC.

“Agora, com esse decreto, eles vão poder fabricar a própria munição. E se a gente estourar uma fábrica dessas e o indivíduo mostrar que tem um certificado de atirador, com uma arma registrada, eu não tenho nem mais como prendê-lo. O pior é que essa munição caseira nem é rastreável. Isso dificulta muito o trabalho da polícia”, disse um delegado à revista.

LEIA AQUI a reportagem completa na Crusoé desta semana.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO