Por enquanto, Bolsonaro decide manter Ricardo Salles como ministro, diz jornal

O Estadão diz que embora a situação de Ricardo Salles, indicado como futuro ministro do Meio Ambiente, seja considerada delicada, até o meio da tarde desta quinta-feira a decisão de Jair Bolsonaro era de mantê-lo no cargo.

Salles foi condenado ontem em ação por improbidade administrativa e teve os direitos políticos suspensos por três anos.

“O entendimento principal de Bolsonaro, de acordo com alguns de seus interlocutores, é de que a condenação de Ricardo Salles é fruto de uma disputa política e representa uma ação contra as próprias posições do novo governo na área do meio ambiente. Daí a resistência de Bolsonaro em tomar atitudes contra seu até agora futuro titular do Meio Ambiente. Ricardo Salles está em Brasília, trabalhando normalmente na transição.

A posição de Bolsonaro, no entanto, está sendo questionada por alguns de seus assessores. Esta ala avalia que manter Ricardo Salles enfraquece o discurso do presidente eleito de que indicados com condenação ou problemas com a Justiça, não permaneceriam em seu governo. Explicam ainda que mantê-lo, passa sinais trocados à opinião pública e pode deixar em situação delicada até mesmo o futuro ministro da Justiça, Sergio Moro.”

Este homem está definindo o futuro do país — e o seu. Você sabe o que ele pensa? Descubra AGORA

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Jhonatan disse:

    Alguém encontrou algum vídeo de Bolsonaro falando que iria manter ele? Eu pesquisei e não achei nada

Ler comentários
  1. Luciana disse:

    Como assim vai manter um condenado no ministério?????Cadê o discurso anti-corrupção?? Temos que acabar com isso daí talkei?

    1. ... e justamente contra esse ativismo, e contra ongs globalistas, que o capitão luta.

    2. Se trata de corrupção? Eu acharia melhor ter sido o Felício no lugar do Salles, mas tirar um ministro do meio ambiente por causa do ativismo ambientalista xiita, seria um erro.

  2. MARCO disse:

    Será um erro. O cara e bom? É. Mas foi condenado. Paciência. Deve ter, tem que ter, não é possível não haver outra pessoa tão competente quanto, no país!

  3. Petronilo disse:

    Uma coisa é certa. O Sistema não gosta do cara. Pode ser até uma virtude...

    1. ... o capitão, e seus ministros, parecem contrariar muitos interesses.

    2. Esse não. É um tucano. E não importa quem, sofrerá judicializações da esquerda ambientalista. Ongs globalistas contrariadas judicializam tudo, através de seus braços partidários, no Brasil.

  4. Sandra disse:

    Infelizmente até o Onix e seus "indicados" estão deixando a desejar..... tomara que dê certo, já estou preocupada

  5. Marlene disse:

    Mesmo que Salles tenha razão, o certo, no momento, é afastá-lo. Se confia na Justiça - condição "sine qua non" em sua posição - deve ser afastado e aguardar o resultado favorável. Ou não c

    1. ... e daí os adversários sempre judicializarão as decisões e politicas do presidente. Faz parte da guerra política.

    2. Aí ele põe outro, que seguirá a agenda do presidente no meio ambiente, que contraria e contrariará o globalismo, esquerdismo das ongs que ligam pra tudo, menos pro desenvolvimento local.

  6. EDSON disse:

    Tá certo capitão, o ativismo radical ambiental tá louco por qualquer coisa para prejudicar o novo governo. tem um reporter ativista na globonewes qua só falta chorar!

  7. Luciano disse:

    O ministro pareceu-me muito bem preparado e alinhado com as ideias do presidente. É técnico, mas ponderado e pragmático; isso às vezes incomoda a esquerda.

  8. GAC disse:

    Não votei em Bolsonaro para ele fazer como seus antecessores que criaram quadrilhas nos Ministérios.

    1. ... contra seus opositores. Ongs globalistas também não descansam. E Jair Bolsonaro contrariará ativistas esquerdistas e ongs globalistas, constantemente, enquanto presidente.

    2. Complicado. Neste caso, sempre haverão judicializações. O próprio Bolsonaro já foi denunciado por crime ambiental, no caso da pesca. O caso foi arquivado. Ativistas usam de guerra jurídica.

  9. Marcos disse:

    Só tenho pena do grande juiz Dr Moro a quem tanto devemos e que pode sair chamuscado!

    1. Mourão salvar? Mourão quer que o indicado por Kassab continue no comando dos Correios (que deveria ter sido privatizado segundo promessa de campanha, mentiu).

    2. Também, mais tomara que não, que Mourão nos salve

  10. Joao disse:

    Compreendo Bolsonaro, o Sales é autoridade no assunto da pasta.Sua condenação , na atual circunstância, visa impedir sua posse.Assim, basta afastá-lo até a apuração depois reconduzi-lo ao carg

    1. ... aguardemos mais judicializações. Sempre haverão. A esquerda tem dessas coisas.

    2. Esse ministério só vai dar chateação. É pra isso que ele serve. Ele não combina com o tipo de agenda que o capitão pretende adotar pra essa área, contrariando ongs globalistas.

    3. Tanta gente que poderia colocar nesse ministério inútil cabide de companheiros e vai me escolher um condenado? TUDO errado.

  11. Fernando disse:

    É só pedir pra um aliado de confiança verificar a sentença pra saber se houve má fé do ministro.

  12. Gilberto disse:

    Uma laranja podre , contamina as demais

  13. Mario disse:

    Pelo contrário, fortalece ainda mais o discurso de Bolsonaro contra os ativistas ambientalistas.

  14. Roberto disse:

    Ricardo Salles já está indicando um substituto. Vai trabalhar na transição e não será ministro, infelizmente. Espera-se que o recurso seja julgado ainda no primeiro semestre.

    1. ... o capitão pontua sempre seu discurso de não subserviência às ongs globalistas.

    2. Pessoal, tenham em mente que essa não será a primeira judicialização, no que tange ao ministério do meio ambiente. Por contrariar a agenda globalista de ongs, haverão mais judicializações.

    3. Vai colocar um poste? Condenado não tem que indicar nada.

    4. Ufa! Tomara que ele tenha a sensatez de pedir um afastamento temporário. Provada a má-fé do juiz, ele volta. Não coloca Bolsonaro nessa saia justa.

  15. carlos disse:

    Pela primeira vez, discordo do presidente Bolsonaro. Deve tirar logo esse condenado, senão vai começar um desgaste muito grande. Se agiu fora da lei, deve ser retirado;

    1. ... falo isso como alguém que preferia o Felício no lugar do Salles.

    2. Não se trata de roubo, ao que parece. Tirá-lo por causa de brigas jurídicas com ativistas ambientalistas seria um erro. Seria reconhecer o argumento de setores xiitas do ambientalismo.

    3. Assista algumas entrevistas com o novo ministro Ricardo Salles e vc entendera o pq da perseguição.

    4. Pelo que consta ele agiu em conformidade com os preceitos defendidos por Bolsonaro durante a campanha, se ocorreu uma ação devido este comportamento, pode esperar que virá mais chumbo grosso

    1. ... ou judicializações, ou a extinção do ministério, que viraria secretaria. Das duas, uma.

    2. Não tem palhaçada. Essa é a dor de cabeça de ter um ministério do meio ambiente, com a agenda que ignorará as políticas de ongs globalistas: enfrentar judicializações.

  16. Leonardo disse:

    O cara foi condenado suspeitamente. Parece perseguição da área ambiental

  17. Roberto disse:

    Meu Deus! A notícia é toda Fake. Não foi discutido ainda a situação do Ministro.

  18. Nova disse:

    Ricardo sendo perseguido, me digam como vc é condenado por improbidade administrativa e na sentença consta que vc não enriqueceu ou causou dano ao erário? Decisão ridicula

  19. Bruno disse:

    Bolsonaro fazendo o uso da lei natural nesse caso. Esta claro como água o fato de que o novo ministro não é um cachorrinho globalista, e por esse motivo esta sendo perseguido establishment.

    1. ... por hora, a decisão do Bolsonaro é acertada.

    2. Pode ser o caso. Se fosse um caso de roubo ou corrupção, o ministro poderia ser facilmente substituído por nomes tão bons quanto ele, ou melhores ainda.

  20. Francisco disse:

    Notinha plantada na imprensa por esse jornal mequetrefe, por eco-xiitas, e provavelmente por alguém que está visando tomar o cargo de Ministro do Meio Ambiente.

    1. Por mais que seja um ministro fácil de substituir, pois tem reservas de peso, e com discurso tão ou mais sagaz que o Salles, tirá-lo por causa de birras jurídicas de ambientalistas e ongs...

  21. Presidente-XVII disse:

    Esse ministério nem deveria existir. Mas fico com o capitão, pois não estamos falando dos crimes de colarinho. E as políticas dele, nessa pasta, certamente serão alvo de judicializações.

  22. MARCELO disse:

    é melhor jair se acostumando, ainda temos Onyx, Damares, Tereza Cristina e Mandeta para serem condenados. Que o mito do governo anti-corrupissaum seja revelado.

    1. Alguém tá falando do Lula aqui??? O Lula tá preso, babaca! E como não tenho político de estimação, o resto da fila tem que se explicar tb!

    2. Pois éeeee, a fila da condenação tá crescendo....

  23. Nilton disse:

    Se permanecer, Bolsonaro vai mostrar que só é mais do mesmo. Não é deveria nem titubear. Foi condenado por, fora. Vá buscar provar a inocência.

    1. ... não importa o ministro, o capitão sempre terá que lidar com judicializações se o ministério for mantido. Ele não se dobrará perante ongs globalistas e suas políticas xiitas.

    2. Parece que o processo não envolve esses crimes de colarinho branco tradicionais, que envolvem mutretas e roubos. É guerra jurídica de ativistas ambientais.

    3. Concordo Nilton, afasta. Isso de manter o cara só enfraquece o Moro.

    4. Acho que deveria afastar por enquanto, aí resolve e volta. Processo de uma área ambiental, um movimento xiita

  24. CésarB disse:

    Por enquanto...!!! Se for bandido tem q ir para cadeia...!!!

  25. Paulo disse:

    Mande embora, meu Capitão! Busque o Xico Graziano. É do mesmo nível e está limpo!

    1. ... o próprio capitão já foi processado por uma "pesca ilegal". O caso foi arquivado.

    2. É tucano recente. Tem o Ricardo Felício, e muitos outros. Te muitos ambientalistas e climatologistas. Mas tirar um ministro por causa de processos de natureza ambiental não dá.

  26. LUIZ disse:

    Trata-se de uma perseguição. Ele já foi condenado pelas mesmas questões outras vezes, recorreu e ganhou.

  27. Palao disse:

    Muitíssimo estranho. Está liberada a ilegalidade no primeiro escalão. Pode cometer crimes se for em benefício do Jair de Deus.

  28. Vitória disse:

    Tem que tirar esse Ricardo Salles. Para que este desgaste, Bolsonaro? Tira ele e aproveita volta atrás e acaba com o Ministério do Meio Ambiente. Junta o Meio Ambiente com outro e ponto.

  29. Fernando disse:

    Bolsonaro tem que mudar a indicação. Neste momento o futuro Ministro tem que fazer sua defesa fora do futuro Governo. Se Salles assumir o Ministério começa a murchar o balão da probidade.

  30. AftasArdem disse:

    Simples, Presidente, seguindo sua diretriz: após entrar com recursos para a validar a indicação como Ministro, ele pede afastamento temporário, entra o secretário executivo e espera-se decisões.

  31. Miuton disse:

    esse ministro é cheio de rolos. Nao adianta colocar ele e ja comecar a se defender. O cara fica vulneravel a fazer coisas pra bater de frente.

  32. Bruno disse:

    E a fila dos ministros "honestos" só cresce. Moro diz que não vem ao caso. Corrupto só quando é do PT. O resto a gente varre para baixo do tapete.

  33. Ademir disse:

    Tem que exonerar, não pode subir uma ladeira com a bolsa cheia de pedras

  34. Jair disse:

    Isso q dá nomear políticos para cargos técnicos e de elevado nível como ministério, a chance do cara estar comprometido e envolvido em esquemas ilícito, ter-se contaminado é alta. O RIC. FELIC

  35. Margareth disse:

    Sr. Bolsonaro, é cada vez mais elástico seu parâmetro de manter investigados/ CONDENADOS no seu governo. O sr, está demonstrando que o seu discurso é diferente do seu EXEMPLO ao agir.Estamos aten

  36. Sandra disse:

    Tá começando mal.... fazendo seus eleitores se arrependerem do voto

  37. Қарсыласу disse:

    Ou tira esse Salles ou já pode dar adeus ao discurso de moralidade nos ministérios...

  38. interior disse:

    Meu. Ridículo o discurso e vai enfraquecer moro. Se o condenado é do time do Bolsonaro é cond política? Mesmo discurso do pt

  39. Adriana disse:

    Invejosos. Estão é de olho na vaga. A condenação teve toda cara de perseguição militante! O MP está muito ideologização. Basta ver os examinadores dos concursos!

    1. Nossa...políticos de todos partidos estão condenados e vc vem com o mesmo discurso do pt ?

  40. arnobioluiz@yahoo.co disse:

    Ana Amélia! Ana Amélia!

  41. Gilberto disse:

    Meu capitão , estes caras devem ser lambedores de coturno

  42. Marco disse:

    Os apoiadores do Jair não queriam esse cara, mas sim o Ricardo Felício, professor da USP e terror dos neo ateus militantes e esquerdistas

  43. Presidente-XVII disse:

    ... a política não é pros fracos.

  44. Presidente-XVII disse:

    "Pisar na bola", neste caso, é um termo complicado. O ministro do meio-ambiente "pisará na bola" direto, no governo de Jair Bolsonaro, justamente por seguir a agenda dele, contrária a ongs.

  45. RSantos disse:

    O discurso do PT era o mesmo, quando alguns dos seus era condenado falavam que era fruto de um processo "politico".

    1. ... se houver mutretas, erros referentes a crimes de colarinho branco, aí é outra história.

    2. A discussão aqui é mais complexa do que essas comparações rasas, esses falsos paralelos. Trata-se, pelo que se vê, de uma judicialização da política, por questões ambientais.

    3. Acontece que o PT já entrou para roubar, ou seja, crime de colarinho branco. O Salles é réu por crime AMBIENTAL, totalmente diferente de crime de colarinho branco. Então o seu argumento se auto re

  46. Deivid disse:

    Se deixar o cara ficar, será mais um grão no saco da mesma farinha que o anteceu...

    1. concordo, o discurso era que ninguém com problema na justiça fizesse parte do governo, não é isso que estou vendo

  47. IVAN disse:

    O cara fez em SP o que o discurso de Bolsonaro prega. Tem que manter mesmo. Esses esquerdopatas querem a paralização do Brasil em nome de 4 pés de bananeiras....

  48. Susana disse:

    Prometeu tirar ministro condenado. Simples assim. Tem que cumprir.

  49. silvio disse:

    Começou a tergiversar.De concessao em concessao vai perdendo o rumo.

  50. Thiago disse:

    Um ministério que deveria ter sido extinto e com um condenado pela justiça no comando, começa muito mal Bolsonaro. Sinto que joguei meu voto no lixo ao ter confiado nele.

    1. Da série petistas envergonhados que votaram no Andrade, e dizem estar arrependidos de terem votado em Jair Bolsonaro.

  51. Ryu disse:

    Só mande embora se encontrar outro com o mesmo perfil. De fato me parece uma ação politica contra o governo.

  52. Guilherme disse:

    Além da condenação, esse cara é muito radical demais. Só vai trazer dor de cabeça para o governo. É preciso pacificar Agricultura e Meio Ambiente. O cara é muito radical...

    1. ... se não for ele, será alguém ainda mais sagaz e contra ongs globalistas.

    2. Que radical o quê. Esse ministério nem era pra existir. A própria existência dele é uma dor de cabeça. Não importa o nome, é no mínimo como este. Nada de menos imponente.

  53. Nana disse:

    É claro q o processo q o Ricardo tá sofrendo é de teor politico porem a midia ainda tem muita força pra manipular os fatos.O melhor seria tirá-lo mesmo ele sendo um bom nome.Chamem o Ricardo Feli

  54. Leonardo disse:

    Que estranho ser condenado logo agora por uma bobagem ambiental. Tá com cara de tentativa de queimá-lo.