ACESSE

"Por mim, não haveria recesso em julho", diz deputado do Novo

Telegram

Paulo Ganime, deputado pelo partido Novo, disse a O Antagonista ser contra o recesso parlamentar de julho e defendeu que em casos de votações urgentes, como a da reforma da Previdência, os dias de folga deveriam ser reduzidos ou mesmo cancelados.

“Por mim, não haveria recesso em julho no Congresso. Mas, já que existe, defendo que, em casos de urgência, ele deveria ser reduzido ou cancelado.”

A ideia de Rodrigo Maia é concluir a tramitação da reforma na Câmara antes do recesso, que começa, oficialmente, em 18 de julho.

"Nunca fomos - e nunca seremos - porta-voz dos criminosos." LEIA AQUI

Comentários

  • Lucia -

    Faça alguma coisa de concreto a respeito disso, ora!

  • Juciara -

    Esse é um da nova safra que está se mostrando realmente novo, tentando trabalhar da melhor forma. Parabéns depu.tado.

  • Pedro -

    Inocente: O recesso é feito para poder convocar sessões extras com pagamentos extras! É simples assim.

Ler 19 comentários