Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Por vacina, profissionais de limpeza entram em greve em SP

O grupo inclui as equipes de varrição das ruas, de recolhimento de resíduos e os motoristas de caminhões de coleta
Por vacina, profissionais de limpeza entram em greve em SP
Reprodução/Redes Sociais

Os trabalhadores da limpeza urbana entraram em greve nesta terça-feira (8) na cidade de São Paulo.

O grupo, que inclui as equipes de varrição das ruas, de recolhimento de resíduos e os motoristas de caminhões de coleta, exige prioridade na vacinação contra a Covid.

A categoria que nunca parou merece vacina, respeito e reconhecimento. Sem vacina, sem coleta”, disse Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Prestação de Serviços de Asseio e Conservação e Limpeza Urbana de São Paulo, em vídeo publicado hoje nas redes sociais.

Os manifestantes se reuniram mais cedo na Praça Patriarca, na Sé e no Pateo do Collegio.

Em entrevista ao UOL, o prefeito da capital paulista, Ricardo Nunes (MDB), afirmou que foi avisado sobre a paralisação apenas hoje de manhã e que está dialogando com o setor.

“A gente teve confirmação hoje, às 6 horas, da greve desse setor que faz coleta, o que é muito preocupante, porque imagine se toda categoria fizer greve por vacina. Não houve comunicação como determina a legislação, com 72 horas de antecedência. Estamos dialogando e esperamos que o serviço seja retomado durante o dia.”

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO