Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Postura antivacina de Bolsonaro repercute na imprensa estrangeira

Brasileiro, que está em NY para a Assembleia-Geral da ONU, é descrito como 'presidente antivacina' por jornal britânico e contestado pelo Washington Post
Postura antivacina de Bolsonaro repercute na imprensa estrangeira
Foto: Adriano Machado/Crusoé

A viagem de Jair Bolsonaro a Nova York sem a imunização prévia contra a Covid repercutiu —e não exatamente bem— na imprensa internacional. O presidente brasileiro vai discursar na abertura da Assembleia-Geral da ONU nesta terça, 21.

O britânico Daily Mail chamou Bolsonaro de “o presidente brasileiro antivacina”. O americano Washington Post citou declarações equivocadas de Bolsonaro, como a de que ele não precisaria tomar vacina porque já foi infectado —a tese é rebatida por 100% da comunidade científica.

LEIA MAIS na Crusoé; assine a revista e apoie o jornalismo independente.

Mais notícias
TOPO