PP confirma neutralidade no segundo turno

Apesar do apoio do PP do Rio Grande do Sul a Jair Bolsonaro, endossado pela senadora Ana Amélia, o PP nacional divulgou um documento hoje em que confirma que manterá postura de “absoluta isenção e neutralidade” no segundo turno da eleição presidencial.

“Tendo a clara compreensão dessas circunstâncias especiais que vivem a política e o país, o Progressistas adotará uma postura de absoluta isenção e neutralidade no segundo turno das eleições presidenciais”, afirma o partido.

O PP se diz “convicto” de que essa postura é a “melhor contribuição que pode oferecer ao debate, em que os cidadãos e cidadãs demonstraram querer se ater a um olhar aos projetos e às personas dos candidatos, deixando todas as demais variáveis em segundo plano”.

O partido ainda se diz disposto a colaborar com o futuro governo “em todas as agendas coerentes e resolutivas” que possam levar a uma solução para os grandes problemas do país.

Quem assina o texto é Ciro Nogueira, presidente do PP.

Você precisa redobrar a atenção no 2º turno. Entenda por que clicando AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 56 comentários
  1. Ou seja, não vai queimar cartucho antes do tempo. Prefere se vender para o próximo presidente no momento oportuno. Se for malddad, isso é fácil. Se for o Capitão, aí o bicho vai pegar.

  2. Esses bundões , caciques de partidos, acham que influenciam alguma coisa, numa eleição da qual não participam com seus cúmplices. Os eleitores de candidatos derrotados votam livremente em quem qu

  3. Em outras palavras Ciro diz “Estamos saindo de fininho, o povo nos (partidos) rejeitou e Bolsonaro não quer papo com centrão (partidos) mas com políticos honestos e de caráter”

  4. Nesta eleição ficou claro que os conchavos de gabinetes das lideranças partidárias foi pro saco. Nenhum eleitor ou politico vai mudar seu voto por determinação de uma liderança partidária.

  5. Esse Ciro Peçonhento Nogueira e um malandro incorrigível. Esta neutro agora e so sairem as pesquisas e a coisa estiver encaminhada que ele vai apoiar Bolsonaro. Nao vale uma nota de 3 reais.

    1. São oportunistas. Que se foda o brasil. Ficando em cima do muro eles depois tentam se unir a quem vender. Mas se o país se foder, dane-se. O que interessa é o que eles podem arrumar depois.

    1. Só que um partido não DEVE estar em sintonia com a maioria do povo e sim em sintonia com o segmento que querem representar. Um partido que muda de lado de uma hroa pra outra nào é confiável ta

  6. Não vou me esquecer, não!!!Nas próximas eleições não majoritárias vou escolher a dedo os candidatos do PP e jogá-los na lata do lixo!!! As redes sociais não esqueceram, JAMAIS!!!!!

  7. Temos um plano criminoso escancarado de um dos lados, e um plano de combate à corrupção do outro. Quem não se posiciona contra a ORCRIM é na melhor das hipóteses irresponsável, e na pior…

  8. PP é um dos maiores partidos envolvidos na Lava Jato! Deveria ter sido extinto ao lado do PT, PMDB e afins. Trata-se de uma verdadeira quadrilha organizada! Isso ficará claro no próximo Governo.

  9. Mais uma mentira, certeza que aqui no Piauí eles vão continuar mandando os prefeitos do interior trabalhar pro Fernando Haddad e colocando terror, a primeira é dizer que vai acabar o bolsa família