Praias lotadas, hospitais lotados

As imagens de praias lotadas alarmaram as autoridades de saúde paulistanas.

“Com casos em queda na capital, há um temor de que a curva estacione, ou até mesmo volte a subir”, diz a Folha de S. Paulo. “A memória dos feriados de maio assusta: naquele momento, os casos de coronavírus subiam a um ritmo de 3% a 5% por semana. Com o relaxamento, saltou para 15%.”

Sete de setembro vem aí.

Leia mais: 'Crusoé' revelou pagamentos da JBS ao advogado de Bolsonaro e a participação do presidente em operação em favor do grupo dos irmãos Joesley e Wesley Batista. E os repórteres seguem investigando
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 25 comentários
TOPO