“As práticas político-partidárias foram cooptadas por infratores da lei”

Lula ataca os procuradores da Lava Jato e o juiz Sergio Moro, acusando-os de querer dar um golpe.

O desembargador Luiz Sergio Fernandes de Souza revelou manobra do condenado.

Leia um trecho de seu artigo para o Estado de S. Paulo:

“Quer-se fazer crer que há uma ditadura do Judiciário no País, pois a magistratura, que não tem mandato popular, ao chamar para si a atividade política, investe contra a separação dos Poderes, violando princípio fundamental da República. A falácia material não resiste ao exame da teoria política e da teoria geral do Estado.

Dividem-se as funções do Estado, nunca o poder mesmo, indivisível por definição. Golpe de Estado haveria se fosse dissolvido o Parlamento ou anulado o Executivo, hipótese na qual o sistema deixaria de reconhecer a si próprio. Intervencionismo judicial na vida política do País existiria se o Judiciário, abandonando a função de dizer o Direito quando provocado, passasse a legislar ou a gerir a coisa pública.

Ao afirmar, a esta altura da grave crise brasileira, que estaria em curso um plano para tornar inviáveis candidaturas nas eleições de 2018, busca-se, mais uma vez, desqualificar a legitimidade racional para lançar um apelo à emoção, o que remete a formas de legitimidade carismática, típicas do populismo. Se as práticas político-partidárias foram cooptadas por infratores da lei, se o sistema político se viu colonizado pela ação dos que pretendem destruir a política, sem condições de desenvolver mecanismos de reconhecimento e diferenciação, cabe ao Estado, uno e indivisível, lançando mão do que resta de racionalidade, cumprir o seu papel. E o Judiciário terá de fazê-lo por meio de códigos próprios, tratando como ilícito (conduta para a qual a norma prevê sanção) o que os réus querem ver reconhecido como mera dissensão político-ideológica.”

 

48 comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200

  1. Claro que não foi o “intelectual “luladrão que escreveu esse texto horroroso. Mas tô tranquilerrima, Lula. Os generais não vão permitir que vc governe nosso Brasil de novo. Seu lugar é na cadeia. Se Moro não lhe colocar lá, os generais colocarão.

    1. Rita 2, você leu direito? Em nenhum momento se falou que o texto é do condenado. O texto é – e isso está bem explicitado – do desembargador Luiz Sergio Fernandes de Souza! Por favor, releia!

  2. Alguém vai ter que traduzir esse texto para o nove dedos, seus asseclas e a grande maioria que o apoia pois são semi alfabetizados e portanto não entenderão patavina do que está escrito.

  3. Muito bom, muito legal…. agora, tendo em vista a alta taxa de analfabetismo funcional em nosso país, inclusive entre leitores de jornal, qual deve ser o percentual da população capaz de entender, em primeiro lugar, o vocabulário e, em seguida, a argumentação?

  4. Se o Brasil fosse um País sério Lula já estaria preso. Que se prenda o ladrão Lula e mande o “idéia” (o Lula criado pela esquerda que não deu certo e só afunda a esquerda, que é uma boa idéia) para a p.q.p. Esse cara, não tendo como se esconder das falcatruas está afrontando a justiça.

    1. Com sua atenção, permita-me colocar que seo Lula é cria do General Golbery do Couto e Silva infiltrado no meio sindical para fornecer informações “dedurar”. Viu um grande filão que era a venda de greves que utilizava os trabalhadores em seu benefício. Juntou-se a esquerda e a Globo não o contrário.

  5. O ataque vindo de quem vem, é o mais puro, genuíno e digno elogio aos que essa sinistra criatura faz. Quanto mais atacá-los mais teremos que ter orgulho desses atacados. Que se sintam enaltecidos!

  6. Mas o Lula jamais escreveu essas palavras. Ele nem consegue ler isso. Não sabe nem o que é. É só para tumultuar e tentar esticar um pouquinho mais a liberdade. se condenado, o lula nem pode ter tornozeleira eletrônica e ficar em prisão domiciliar, pois ele não tem nenhum apartamento, casa, sítio.

  7. Todo mundo está cansado de saber que a Lava Jato faz políticagem, quer substituir o povo e escolher o Presidente. Não adianta o espernear, não enganam mais ninguém. Só os seguidores da seita lavajatista.

  8. Atentem bem: se o indecoroso Lula não for preso em breve, preparem-se para a pauleira. Se o Judiciário ainda o atura, a maioria da sociedade de bem, não. Ele já passou dos limites das afrontas ao Judiciário e também de tachar o povo inteligente de burro e analfabeto.

  9. O data folha publica pesquisa com Lula 35% de intenção de voto, os petistas principalmente Lula se acham no direito de acusar o judiciário de criminalizar a política, mas se defender do que é acusado, nem pensar né? Na mesma pesquisa 54% querem Lula preso, nessa parte petistas atacam a pesquisa. VTNC! Judiciário Kagão de 4 para um criminoso, é demais.

  10. Na “mosca.” A Teoria Geral do Estado, consagrado no mundo inteiro, afirma que o poder é Uno e indivisível. Montesquieu cunhou a separação das funções em Legislativo, Judiciário e Executivo, bem como desenvolveu o princípio do Controle da atividade do Estado, denominado de freios e contrapesos. Logo, é legítima a atuação de uma função sobre a outra, quando há desvios de finalidade de agentes consistentes em desvirtuar o escopo do Estado. Portanto, essa conversa de golpe do judiciário nada mais é do que a demonstração de desesperos de sujeitos que se acham acima do primado da Lei e querem, por tudo, escapar do “longa Manus” do Estado.

  11. Esqueçam o LULA já está superado e logo vai ser condenado em segunda instância ai veremos se o Juiz Sergio Moro vai mandar prendê-lo e o STF soltá-lo este será o estopim da Bomba. O problema agora é a defesa do presidente temer que está tentando acabar com o Ministério Público só porque acham que ao assumir o cargo uma indicada pelo presidente e por ser mulher não terá coragem de defender a seu antecessor.

  12. Parece que nossos bravos procuradores da Lava-Jato são as autoridades máximas do Judiciário!!!
    Os que detém o poder são omissos e comprometidos, por isso se calam e deixam Lula “pintar e bordar” avacalhando as instituições e as autoridades!!!
    Bravo, procuradores… vocês são a reserva moral da categoria!!!
    Pêsames mandatários do Judiciário!!!

  13. Todos os defensores de bandidos se incomodam com a operação Laba Jato e a querem destruir. Essa gentalha chega ao extremo de afirmar que vivemos sob a ditadura do Judiciário. De Aécio a Lula, de Cunha a Dirceu e de Reinaldo Azevedo a Mino Carta todos agem dessa forma.

  14. Se Bolsonaro diz um “ái” ou não usa de eufemismos sobre qualquer coisa é condenado a pagar multas. Já o heptaréu ataca a Justiça abertamente, a manda colocar seus processos em um “certo orifício”, e nada acontece, pode livremente continuar a zombar dela e da nação?

  15. Só que as práticas político-partidárias não foram cooptadas por infratores da lei, simplesmente elas foram tomadas de assalto pelos bandidos, que atualmente legislam em causa própria, sob o beneplácito do stf.

  16. Errou feio as Forças Armadas em deixar vivos o Nove Dedos, a vadia Dilma, Zé Dirceu e as centenas de quadrilhas de políticos que tomaram o poder. Consertem este erro grave, está passando da hora.

    1. Se os militares erraram uma vez, O QUE LHE GARANTE QUE NÃO ERRARÃO DE NOVO e de forma mais grave?

  17. Perfeito! É preciso dar um basta nesse discurso teatral e demagógico que pretende transferir ao judiciário a responsabilidade dos erros cometidos por agentes públicos arrogantes, inescrupulosos e inconsequentes.

  18. Lula sabe tirar proveito da morosidade como as coisas aqui no Brasil se resolvem, ou deveriam ser resolvidas. O fim de Lula em termos concretos, há de ser no menor tempo possível. De outra fora, ganha na parte da sociedade não esclarecida a sensação de perseguição.

  19. Por que esse comandante máximo da ORCRIM ainda está solto, obstruindo a justiça, caluniando, difamando, forjando recibos, incitando a violência, fazendo campanha antecipada???
    Resposta: porque ninguém tem coragem de metê-lo na jaula.
    Solução: que venham as tropas dos generais.