Precisamos de um governo que se constranja

O único integrante do governo a manifestar-se até o momento sobre o mandado de condução coercitiva de João Vaccari Neto, tesoureiro do PT, foi o ministro das Relações Institucionais, Pepe Vargas. Ele afirmou que “para o governo, não cria constrangimento algum”.

O Brasil precisa de um governo que, no mínimo, se constranja. A popular vergonha na cara.