Prédio do bunker de Geddel vira atração turística

O edifício em cujo apartamento 201 a PF encontrou os R$ 51 milhões que seriam de Geddel Vieira Lima virou “atração turística” em Salvador.

Repórter de O Globo passou três horas diante do edifício no bairro da Graça, região de classe média alta na capital baiana. Testemunhou dezenas de pessoas tirando fotos e comentando o caso.

“Nós estamos envergonhados por morar na rua onde um criminoso guarda tanto dinheiro de roubo”, disse um dos vizinhos do prédio, Orlindo Siqueira.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

  1. Tem gente que rouba trem, tem gente que rouba banco, mas fica claro que se trata de assalto. Mas quando se trata de dinheiro de imposto, ninguém do governo que deveria está cuidando do nosso dinheiro, sente a menor falta.

  2. Ler mais 13 comentários
    1. Tem gente que rouba trem, tem gente que rouba banco, mas fica claro que se trata de assalto. Mas quando se trata de dinheiro de imposto, ninguém do governo que deveria está cuidando do nosso dinheiro, sente a menor falta.

    2. Engraçado como malas de dinheiro, com um valor irrisório, causa indignação.
      Já os BILHÕES que a Lava Jato revela não causa essa mobilização.
      É por isso que os PeTistas odeiam tanto o power point do Deltan.

    3. O sujeito esta em casa, sem tornozeleira, na varanda gourmet comendo um churrasquinho
      Esta correta a leitura? Pois se for isso nao entendo por que perder tempo noticiando ou procurando culpados uma vez que nada adianta.
      Eu nao invisto mais aqui nem fude.ndo, ja sai fora de todos negocios, demiti todos e nao contrato nem empregada domestica mais.

    4. He,he… Essa prática de guardar dinheiro em AP vazio não é mais segura. Sempre que alguém perceber gente guardando coisa em apartamento vazio (principalmente se for político), vai se lembrar disso.