Prefeito paz-e-amor

Também em Campina Grande, João Doria disse que Lula tem “direito de peregrinar e de visitar o Brasil, dentro das regras eleitorais”.

“Entendo que isso é legítimo e não faço objeção a esse ato. O que continuarei a fazer é objeção ao discurso, o meu é diferente”, afirmou o prefeito de São Paulo.

Os dois podem antecipar a campanha à vontade, desde que não portem nenhuma faixa onde esteja escrito “estou fazendo campanha adoidado!”. O TSE já deu de ombros mesmo.

8 comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200

  1. ADOREI essa “caravana do lula” !
    .
    Claro, o objetivo era tentar constranger o TRF4 mostrando que o povo está com o molusco.
    .
    Conseguiu mesmo foi provar ao TRF4 que o dia que ele for preso vai ser feriado nacional. Em “homenagem” aos reclamões, eu recomendo batizar esse dia como sendo o
    .
    Dia do MiMiMi Fu Dhí
    .
    Bacana, né ? Musical 🙂
    .
    Pois é, e pensar que a direita está tentando provar isso A MAIS DE ANO, sem conseguir.
    .
    A esquerda sempre se supera, cada vez o tiro no pé é maior.
    .
    Mas vai ser difícil superar esse.
    .
    Ou não ?
    .
    Afina, estamos falando da turminha de Zumbiland, do reino mágico em que bem e mal se invertem e eles se tornam os galantes mocinhos. Parece até que não dá vontade de acordar, porque a maioria nunca acorda…
    .
    Seu dia está chegando, nine fingers. Conte nos dedos :p
    .

  2. Enquanto isso o braziu-ziu-ziu conjuga o verbo Fu de trás prá frente e S. Paulo continua amargando os efeitos da administração anterior, que instituiu a multa como principal receita municipal e prejudicou a maioria em beneficio de uma minoria eleitora do partido da trambicagem.

  3. Bastou o João Dória se aproximar do canalha do FHC que deu nisso!
    O Bolsonaro vai nadar de braçada em cima dele!
    O PSDB fará de tudo para perder a eleição de 2018 para o Lula e o PT! É o sonho do FHC, o sonho da Rede Globo, o sonho da Folha de SP, da classe artística, dos funcionários públicos… e até de toda as Forças Armadas!
    Infelizmente, o brasileiro assalariado, o dono de pequenas e médias empresas está quebrado nesse país, sozinho, sem ajuda de ninguém, de mãos atadas, sem ninguém para ajuda-lo!
    Melhor coisa a fazer é vender tudo e dar o fora daqui o mais rápido possível. Em menos de dois anos isso aqui vai explodir de vez!