Presidente da CNI ataca ideia de 'superministério' da Economia

Telegram

Robson Braga Andrade, presidente da CNI e um dos empresários com maior acesso ao poder (Fernando Pimentel que o diga), disse ao Valor que a vitória de Jair Bolsonaro está “praticamente consolidada”.

Em uma longa entrevista, Andrade afirmou ser taxativamente contrário à incorporação do MDIC (Indústria e Comércio Exterior) pela Fazenda e à fusão da Agricultura com o Meio Ambiente, como propõe o candidato do PSL, que quer, por exemplo, fazer de Paulo Guedes um “superministro” da Economia.

“Quem vai defender as políticas industriais? A mesma pessoa que está pensando em aumento de imposto ou de receita? Se for assim, criem logo um ministério só para tudo!”

Atentado a Bolsonaro: saiba com exclusividade o que a PF está investigando AQUI

O manda-chuva da CNI acrescentou que “mão precisamos de um czar na economia”.

Comentários

  • Nelson -

    Este Robson além de dar uma de babaca deve ser petista. Só um imbecil pode dar atenção à isso. Sabe mto bem que campanha é campanha. O cara nem eleito foi ainda e os caras vem com essa. ou é po

  • Luíz -

    Ministério do Meio Ambiente? Chega de "meio". Um Brasil por inteiro é o que queremos. Vários ministérios em fusão. No máximo 10 ministérios.

  • LIBERTÁRIOS -

    Bolsonaro está correto. A fusão é melhor. Agora, recomendo a nomeação de Thiago Ramos do IMB, para um ministério destinado a transformar o Nordeste no maior polo industrial da América Latina.

Ler 105 comentários