Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Presidente de instituto bolsonarista se atrapalha: "Não foi jantar, foi almoço"

Os senadores da CPI da Covid acusaram o depoente de mentir sobre um almoço com o reverendo Amilton de Paula, da ONG Senah
Presidente de instituto bolsonarista se atrapalha: “Não foi jantar, foi almoço”
Reprodução: CPI da Covid

O presidente do Instituto Força Brasil, Helcio Bruno, se atrapalhou há pouco ao tentar explicar uma imagem em que aparece em uma mesa com o reverendo Amilton de Paula e Luiz Paulo Dominguetti, representante da Davati.

O relator, Renan Calheiros, havia questionado se o depoente já havia participado de algum jantar, ou tinha intimidade com o reverendo. Ele negou.

Os senadores então confrontaram Helcio com a fotografia do encontro. O coronel deu a seguinte explicação: “Não foi jantar, foi almoço”. Segundo ele, o almoço ocorreu na casa de Amilton logo após a reunião no Ministério da Saúde no dia 12 de março.

“Veja de que forma vossa senhoria trata essa comissão parlamentar de inquérito. Insistiu que nunca tinha participado de jantar”, disse o relator.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO