Presidente do BB no esquema das MPs

Como já publicams, a Veja trouxe reportagem com e-mail do advogado Vladimir Spíndola, no qual indica que a MP 512 foi um “acerto do Lula com a Fiat”.

A matéria fala de Guido Mantega, mas esquece de citar o destinatário da mensagem: Alexandre Abreu, o presidente do Banco do Brasil que substituiu Aldemir Bendine.

Lula tenta manter Abreu no cargo por meio de Henrique Meirelles. Pelo visto, ele tem motivos de sobra para isso.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;

Ler 44 comentários
  1. Já está tudo armado. Lembrem-se que o renan disse que já colocaria o lewandowski para presidir às sessões desde o início para dar “celeridade” nas resoluções das questões de ordem . Isto logo no início das sessões que começaram a tratar deste processo. Resgatem de sua memória e irão concluir que isto faz parte dos planos da ORCRIM.

  2. Só cego não vê. Está tudo armado. Esta é a estratégia para salvar Lula, Dilma e os bandidos e bandidas do PT. E o que é pior: com a conivência de membros do poder judiciário. Acorda Brasil!

  3. Simples: se aceitarem que o impeachment é nulo, TODAS, absolutamente TODAS as leis aprovadas enquanto Cunha presidente também são, inclusive a LDO, LOA…joguem como o PT

  4. Já pensou se esses golpistas(principalmente os do STF) resolverem anular o impeachment com base nesses argumentos absurdos sobre Cunha?Vai ser uma confusão muito grande,já que ninguém aceitará e muitos se revoltarão.

  5. Perguntinhas ao STF: Vale para a Câmara, vale para o Senado? e pro Golden Tulip? Vale para o Cunha, vale para os outros investigados? Vale para o Legislativo, vale para o Executivo? Vale até para o Judiciário e para a Imprensa e OAB?

  6. concordo com o marcos tudo foi tramado há uma semana atrás o renan vai enviar pedido para o stf questionando os atos de cunha paralisando a votaçao do impedimento de dilma quando chegar no stf irá demorar no minimo uns 2 anos para julgar depois de ontem o stf faz o que quer e como quiser

  7. Se é para cancelar o que ele presidiu, que se cancele também todas as decisões que beneficiaram os petista e dilmanta, inclusive poder dar caneladas no orçamento, para ter direito a débitos.

  8. Os procuradores abriram uma investigação e pediram, em julho de 2008, a quebra de sigilo bancário e fiscal de Lindbergh, sua mulher, sua mãe, dois irmãos e sete empresas da família. O inquérito ficou parado desde então.

  9. QUESTÃO DE ORDEM, ANTAGONISTAS!!! PT argumenta que agora os atos do Cunha são inválidos. Então se Dilma cair, se for comprovado que Lula se reelegeu por caixa dois, será que também irão invalidar a nomeação dos Ministros do STF e do PGR?

  10. O que essa turminha vermelha pretende? Já “ferraram” (metonímia) com o país e não querem abrir espaço para que outros, mais competentes, resolvam o problema. PT e a turminha vermelha lembram o desenho animado “Pink e Cérebro”: todas as noites saem para tentar conquistar o mundo (poder absoluto). Basta dessa gente!

  11. Vocês realmente acham que Renan vai ter colhões para tentar qualquer impedimento ao processo do Impeachment? Eu duvido que ele faça alguma coisa! É só desespero dos petistas, não repararam a tremedeira e o descontrole do “Lindinho” agora há pouco. O fim está próximo… o fim do PT, da Dilma, dessa maldita maré vermelha!

  12. ————–“decisão“ absurda e sem fundamento e amparo constitucional. Quando o stf, que deveria ser o guardião da constituição, decide ao arrepio da constituição e admite tal afronta,é perigoso.A “liminar“ sem urgência, com 6 meses de atraso, é algo inédito, é mais claramente no caso, legislar.Seis meses é tempo suficiente para julgar a liminar, a cautelar e até a principal, se houvesse a mesma celeridade (e que celeridade é essa que não permite o estudo aprofundado do afastamento do presidente da cãmara pelos demais ministros?) que aconteceu ontem Se há

  13. .1. Só Renan pode aceitar impeachment do STF 2. STF protege Renan para não sofrer impeachment 3. Renan deferiu Foro Privilegiado até 2018 para os 39 Ministros de dillma: http://epoca.globo.com/tempo/expresso/noticia/2016/05/renan-prorroga-status-de-ministro-para-jaques-wagner.html

  14. Renan decide : SIM. A “coisa” vai para o STF ….etc , etc Volta não sei para onde, etc … É ou não é um balaio ? É um entranhamento burocrático que ninguém entende. Nem mesmo o Santo Papa.

  15. RT da Procuradora Monique Checker em teuíte de George Marques ‏@GeorgMarques “A decisão do ministro Teori Zavasckide não anulou as decisões de Eduardo Cunha no comando da Câmara. Forçam uma interpretação inexistente.”

  16. O STF mostra sua face corrupta ao não dar andamento nos 12 processos que pesam sobre o Canalheiros. É um acinte. Ele pode substituir Temer quando este assumir?

  17. Depois do Golpe institucional de ontem….. a ficha vai caindo para muitos. Torcendo para melarem o afastamento da Dilma e verem que essa suspensão da Presidência da Câmara pelo STF….. foi uma verdadeira afronta a Constituição….foi o AI5 do Supremo.

  18. O q q tem a ver uma coisa com a outra? O cara ser afastado pelo STF não tem nada a ver com a admissão da denúncia de impeachment… Então quer dizer que se a Gleisi vier a ser presa os atos dela como Senadora serão nulos? Estamos vivendo um surrealismo sem precedentes

  19. Dia 26 o JEC entrou com recurso na câmara, quando cunha era o Presidente, por que o AGU faria recurso pro Cunha se iria ser negado?? ADVINHEM ELE JA SABIA QUE O CUNHA IA CAIR e o aliado iria entrar Maaranhão!! OLHA A MERDA AI! http://br.reuters.com/article/domesticNews/idBRKCN0XN2FV

  20. Dia 26 o AGU entrou com recurso na câmara, quando cunha era o Presidente, por que o AGU faria recurso pro Cunha se iria ser negado?? ADVINHEM ELE JA SABIA QUE O CUNHA IA CAIR e o aliado iria entrar Maaranhão!! OLHA A MERDA AI! http://br.reuters.com/article/domesticNews/idBRKCN0XN2FV

  21. Dia 26 o JEC entrou com recurso na câmara, quando cunha era o Presidente, por que o AGU faria recurso pro Cunha se iria ser negado?? ADVINHEM ELE JA SABIA QUE O CUNHA IA CAIR. OLHA A MERDA AI! http://br.reuters.com/article/domesticNews/idBRKCN0XN2FV