ACESSE

Presidente do Cidadania vê Huck como candidato da centro-esquerda

Telegram

O presidente do Cidadania, Roberto Freire, disse a O Antagonista que o partido continua apostando em uma eventual candidatura de Luciano Huck ao Palácio do Planalto em 2022.

“Estamos trabalhando com tal hipótese. Tudo está indicando que Huck será candidato de um polo democrático mais inclinado a uma centro-esquerda.”

Para Freire, caso venham a ser confirmadas as candidaturas dos ex-ministros Luiz Henrique Mandetta (Saúde) e Sergio Moro (Justiça e Segurança Pública), ambas “terão muito a ver com Jair Bolsonaro”.

“É um mesmo eleitorado, embora a raiz esteja espalhada e eles sejam notáveis dissidentes”, afirmou.

O presidente partidário acrescentou que o apresentador de TV, que ensaiou entrar na disputa em 2018, “tem grandes chances de se consolidar como um candidato muito competitivo”, embora a campanha presidencial de 2022, no entender de Freire, ainda seja algo distante.

Leia mais: Moro exclusivo: 'O senhor das moscas'

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 99 comentários