Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Presidente do PT no Amazonas quer dar medalha a empresário envolvido em testes com proxalutamida

Sinésio Campos propôs concessão da Medalha Ruy Araújo, comenda mais importante da Assembleia Legislativa, ao empresário Luís Alberto Saldanha Nicolau
Presidente do PT no Amazonas quer dar medalha a empresário envolvido em testes com proxalutamida
Reprodução/Redes sociais

O deputado estadual Sinésio Campos (AM), presidente do PT no Amazonas, propôs a concessão da Medalha Ruy Araújo, comenda mais importante da Assembleia Legislativa do estado, ao empresário Luís Alberto Saldanha Nicolau, presidente do Grupo Samel, rede de hospitais envolvida no polêmico estudo com a proxalutamida.

Em setembro, a Comissão de Ética em Pesquisa (Conep) pediu à PGR abertura de inquérito sobre o caso, após a morte de 200 pacientes que tomaram o medicamento — cuja importação foi proibida pela Anvisa.

Além do empresário, participaram da pesquisa Daniel Fonseca, diretor-técnico da rede de hospitais do Grupo Samel; o endocrinologista Flávio Cadegiani; Ricardo Ariel Zimerman, infectologista do Hospital da Brigada Militar de Porto Alegre, e o dermatologista americano Andy Goren, diretor da Applied Biology.

Ao justificar a homenagem a Nicolau, Sinésio disse que o empresário vive em “busca de novas tecnologias em saúde para auxiliar no tratamento de diversas doenças” e que seu “mais recente desafio” foi “o combate à pandemia em decorrência do novo coronavírus que assolou o Amazonas a partir de março de 2020, onde o Grupo Samel, como empresa genuinamente amazonense, não mediu esforços para socorrer a população”.

Luís Alberto Saldanha Nicolau vem a ser irmão do também deputado estadual Ricardo Nicolau, do PSD, que propôs também propôs uma homenagem ao americano Andy Goren — no caso o título de Cidadão do Amazonas.

 

Mais notícias
TOPO