Presidente do TJ-SP acha ‘muito pouco’ o valor do auxílio-moradia

O desembargador Manoel de Queiroz Pereira Calças defendeu o auxílio-moradia de R$ 4.300 pago aos juízes em sua posse oficial como presidente do TJ-SP, cargo que já vinha exercendo.

Em entrevista coletiva, Calças se disse favorável ao subsídio porque ele consta da Lei Orgânica da Magistratura, mas admitiu que o tema é “controverso”. Também declarou receber o benefício mesmo tendo “vários imóveis”.

Segundo o relato do UOL, indagado se considerava justo o valor do auxílio, o desembargador respondeu: “Acho muito pouco. Agora você vai e coloca isso. Não vou atender provocação”.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 43 comentários
  1. Além daqueles muitos auxílios já conhecidos, inclusive o auxílio-paletó, Manoel Calças quer auxílio-calças, auxílio-meias, auxílio-sapato, auxílio-camisa-social, auxílio-abotoadura e, principalmente, auxílio-cueca.

  2. A ÚNICA ESPERANÇA DO POVO BRASILEIRO É UM REGIME DE EXTREMA DIREITA, QUE REVEJA TODOS OS PRIVILÉGIOS DESTA CASTA QUE NOS EXPLORA À SÉCULOS !!! disse:

    PORQUE NÃO TE CALAS ???
    O TEMA NÃO É CONTROVERSO !!!
    ISSO É UMA IMORALIDADE LEGAL !!!
    E O SR. “PERDEU UMA ÓTIMA OPORTUNIDADE DE FICAR CALADO” !!!
    NUM PAÍS QUE PAGA UMA MISÉRIA AOS APOSENTADOS QUE TRABALHARAM A VIDA
    TODA, PARA MANTER AS REGALIAS DE ALGUNS POUCOS PRIVILEGIADOS,
    ESTAS INOPORTUNAS DECLARAÇÕES, SÓ AUMENTAM A NOSSA INDIGNAÇÃO !!!

  3. A ÚNICA ESPERANÇA DO POVO BRASILEIRO É UM REGIME DE EXTREMA DIREITA, QUE REVEJA TODOS OS PRIVILÉGIOS DESTA CASTA QUE NOS EXPLORA À SÉCULOS !!! disse:

    O TEMA NÃO É CONTROVERSO !!!
    ISSO É UMA IMORALIDADE LEGAL !!!
    PORQUE NÃO TE CALAS !!!
    E O SR. “PERDEU UMA ÓTIMA OPORTUNIDADE DE FICAR CALADO” !!!
    NUM PAÍS QUE PAGA UMA MISÉRIA AOS APOSENTADOS QUE TRABALHARAM A VIDA
    TODA, PARA MANTER AS REGALIAS DE ALGUNS POUCOS PRIVILEGIADOS,
    ESTAS INOPORTUNAS DECLARAÇÕES, SÓ AUMENTAM A NOSSA INDIGNAÇÃO !!!

  4. A ÚNICA ESPERANÇA DO POVO BRASILEIRO É UM REGIME DE EXTREMA DIREITA, QUE REVEJA TODOS OS PRIVILÉGIOS DESTA CASTA QUE NOS EXPLORA À SÉCULOS !!! disse:

    O TEMA NÃO É CONTROVERSO !!!
    ISSO É UMA IMORALIDADE LEGAL !!!
    E O SR. “PERDEU UMA ÓTIMA OPORTUNIDADE DE FICAR CALADO” !!!
    NUM PAÍS QUE PAGA A UM APOSENTADO QUE TRABALHOU A VIDA
    TODA, PARA MANTER REGALIAS PARA ALGUNS POUCOS PRIVILEGIADOS,
    ESTAS INOPORTUNAS DECLARAÇÕES, SÓ AUMENTAM A NOSSA INDIGNAÇÃO !!!

  5. CONCORDO PLENAMENTE… $4300 ATÉ PAGA O ALUGUEL, MAS NAO COBRE O PLANO SUPER VIP DA NET OU DA SKY… POXA, FICAR SEM SKY E NET 500GB/S VIA FIBRA OTICA NAO DÁ NÉ, JUIZ PRECISA SE MANTER INFORMADO NO HBO.

    1. Isso mesmo! E se levar marmita pro trabalho, não recebe vale-refeição ou auxílio-alimentação! Se tiver carro ou for de carona, não ganha vale-transporte!

  6. Esse presidente do TJ/SP foi absolutamente infeliz em suas declarações. Ao admitir que recebe essa verba a título de moradia e, por outro lado, ter inúmeros imóveis, é no mínimo uma cara-de-pau!! Primeiro, como juiz que decido controvérsias e questões à luz da lei e da doutrina, interpretando os fatos, deveria, então, devolver esse valor, porque a natureza jurídica desse auxílio está diretamente ligada à necessidade de moradia do funcionário público. Logo, se não necessita pagar aluguel, então devolva esse valor. Esse senhor se esquece que é empregado do povo e não patrão, e não pode decidir ao seu bel-prezar a rubricas salariais. Outra questão interessante a ser verificada pela RF, no caso desse senhor, é como ele conseguir adquirir vários imóveis com o salário de magistrado.

  7. É imoral e inconstitucional. A CF/88 é clara:
    “Art. 7º São direitos dos trabalhadores urbanos e rurais, além de outros que visem à melhoria de sua condição social:
    … (omissis)
    IV – salário mínimo , fixado em lei, nacionalmente unificado, capaz de atender a suas necessidades vitais básicas e às de sua família com moradia, alimentação, educação, saúde, lazer, vestuário, higiene, transporte e previdência social, com reajustes periódicos que lhe preservem o poder aquisitivo, sendo vedada sua vinculação para qualquer fim;”.
    Logo, não faz qualquer sentido acrescer ao salário máximo do serviço público (Judiciário) qualquer “penduricalho”, pois o subsídio como remuneração pelos serviços prestados tb se destina a custear
    as necessidades de quem o recebe. A lei da magistratura afronta a CF.

  8. Há uma questão que não opõe o Judiciário apenas ao Legislativo e ao Executivo, mas à própria opinião pública: o auxílio-moradia indiscriminado, como subterfúgio para aumentar os salários de juízes e magistrados para (muito) além do teto constitucional de R$ 33.700,00.
    .
    O ministro Luis Fux, agora presidente do TSE, manteve o privilégio em 2014 e nunca mais se falou nisso. Mas o plenário vai ter de falar, até porque nem ícones como Sergio Moro e Marcelo Bretas escapam do constrangimento.
    .
    É por essas questões e tensões que Gilmar Mendes reivindica o uso de jatos da FAB e essa reivindicação não é exclusividade dele. Expostos nas votações em plenário pela TV Justiça, os Meretíssimos não querem se expor ao vivo. E, cá pra nós, não é nada mal se preservar no escurinho de jatinhos.

  9. “Comunismo de inveja” é parente bem próximo do sentimento que gera o fascismo: a ideia não de revolução, mas de tomar do outro, de empobrecer o rico e de tirar quem está em cargo de destaque do lugar disse:

    Artigo de Paulo Ghirardelli.

  10. Olha ai Sr, tem vagas de trabalho em alguma empresa,é só mandar Curriculum que o Sr consegue,ai é só trabalhar pra aumentar a renda porque de impostos o povo já ta arqueado pra sustentar esta máquina pública que é um poço sem fim com retorno zero.

  11. Estou bem longe daqueles que pensam que uma categoria profissional ou um grupo social (ou classe) só se beneficia em detrimento da outra – quem pensa assim são os adeptos do “comunismo de inveja”, que Marx sempre denunciou e odiava. “Comunismo de inveja” é parente bem próximo do sentimento que gera o fascismo: a ideia não de revolução, mas de tomar do outro, de empobrecer o rico e de tirar quem está em cargo de destaque do lugar – principalmente juízes, só depois generais e professores.

  12. • HOUSE RENTALS in HOLLYWOOD: PRICE US$ 18 MILLION
    • HOUSE RENTALS in HOLLYWOOD: PRICE US$ 18 MILLION
    • HOUSE RENTALS in HOLLYWOOD: PRICE US$ 18 MILLION

  13. Esses como dizem são tudo Fake Moral, não vê o Miler fez a PGR de escritório da JBS, mudou de lado, ganhou dinheiro e tá curtindo a vida numa boa, cadê o MP, PGR, CNJ? É como pedir a matilha de raposas julgar quem roubou o galinheiro.

  14. O dado impressiona: 43% dos juízes da cidade de São Paulo que recebem o auxílio-moradia possuem imóvel na capital. E 215 deles têm mais de um em seu nome. Temos um campeão, o desembargador José Antonio de Paula Santos Neto, proprietário de 60 imóveis.
    .
    O Judiciário, que deveria ser um exemplo de conduta ética, parece não estar nem aí para seu desgaste. Atropelam o bom senso moral em troca de um bônus salarial (que é o que virou o auxílio-moradia).
    .
    Chama a atenção também a reação dos nobres magistrados. Ou silenciam ou escorregam em declarações desnecessárias. Nenhum anunciou que abriria mão da ajudinha.
    .
    É um salvo-conduto para que os brasileiros com salários supostamente desvalorizados deem de espertos, driblando a moralidade para engordar o seu contracheque no fim do mês.

  15. Deixar claro que isso é imoral e um tapa na cara do povo brasileiro, tem que acabar isso, para quem tem imóvel e quem não tem tbem, se qualquer funcionários publico for transferido tem que ter uma ajuda de no máximo 6 meses e depois mais nada.. caso contrário venha para o mercado privado e vcs verão como funciona…. Auxilio de qualquer espécie é uma vergonha……

  16. Essa é a cara de pau do judiciário mais caro do mundo ocidental, mamata de mamando a caducando, o povo paga todo tipo de auxilio, saude, creche, pré escola, escola, universidade, pós graduação, livro, paletó, zorba e calcinha, manutençaõ de suas mansões enquanto os povo bobo, tem um FIES no lombo de em média 200.000,00 para cursos que triplicaram de valor depois que as faculdades particulares vivem de dinheiro público. E a famosa lei que eles arrotam é feita por eles mesmos, piada… E ATÉ NÃO DUVIDO QUE ALÉM DE RECEBER DINHEIRO PAGO PELO POVO AINDA ABATEM NO IMPOSTO DE RENDA COM NOTAS E RECIBOS IDEOLOGICAMENTE FALSOS COMO DIZ MORO.

  17. Como é que um juiz que ganha R$ 33 mil por mês tem “vários” imóveis? De onde surgiu tanto imóvel?
    Esse auxílio-moradia tem que acabar, auxílio-livro tem que acabar, auxílio-educação tem que acabar p, férias de 60 dias por ano tem que acabar, recessos tem que acabar, gabinetes cheios de aspones nomeados em concursos dúbios tem que acabar, todos os penduricalhos tem que acabar, carro, chofer de graça também tem que acabar.
    Aliás, o Brasil precisa com urgência simplificar todas as legislações em vigor. Uma CLT, um CP, CC… não pode ter mais do que 10 a 20 páginas cada. A CF tem que ser como a americana: enxuta.
    Assim, daria para o Brasil eliminar 3/4 desses tribunais malandros e inoperantes. Economizaríamos mais de R$ 100 bilhões do orçamento público, 1/2 do déficit público.

  18. Eles vivem em um mundo a parte do nosso. Não estão nem ai para o mundo real. Falam e fazem o que bem entendem. Os anos de governo petista (e da esquerda como um todo) não criaram esta situação. Mas a levaram ao estado da arte (no duplo sentido).

  19. Se a nobreza reclama….imaginem os suditos…Por aqui os privilegios coloniais portugueses continuam… privilégios que já foram extintos até em Portugal há muito tempo…Pela igualdade de todos perante a lei.. como diz a constituição.. Porque sistemas de aposentadorias diferentes, se todos são iguais parante a lei ????? ou então que tirem esta merd.. de clausula da constituição…ai acaba a hipocrisia…

  20. TEM DE ACABAR COM OS TRIBUNAIS DE SEGUNDA INSTÃNCIA, ESTES MAGISTRADOS SÃO UNS CARA DE PAU. FALTA-LHES A ETICA E A MORAL TAMBÉM TENDO COMO PADIGMA UM MINISTRO AETICO E IMORAL DA AMPLITUDE DO GILMAR MENDES. STF VERGONHA NACIONAL