Preso, Perillo depõe e nega crimes

Após ser preso hoje, o tucano Marconi Perillo, ex-governador de Goiás, prestou depoimento à PF em que negou a prática de crimes, registra Fausto Macedo.

Perillo foi detido ao chegar à superintendência da PF em Goiânia para prestar depoimento sobre as acusações de delatores da Odebrecht Fernando Reis e Alexandre Barradas.

Em suas delações, os dois citaram repasses de R$ 10 milhões ao ex-governador –R$ 2 milhões na eleição de 2010 e R$ 8 milhões em 2014.

O ex-presidente do PSDB, que fracassou na tentativa de se eleger para o Senado no domingo, é investigado na operação Cash Delivery e já havia sido alvo de busca e apreensão na sexta, 28.

Você precisa redobrar a atenção no 2º turno. Entenda por que clicando AQUI

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

    1. Cela? Sugiro os estádios q eles fizeram. Todos os amigos do rei envolvidos cheirando grana… Terão q trabalhar pra pagar comida Vai ser continuação da faxina com Mourão, muro arrimo de Dr. Moro.

Ler mais 12 comentários
    1. Cela? Sugiro os estádios q eles fizeram. Todos os amigos do rei envolvidos cheirando grana… Terão q trabalhar pra pagar comida Vai ser continuação da faxina com Mourão, muro arrimo de Dr. Moro.

  1. Tem o Vizinho (Serra), o Mineirinho (Aécio), o M&M (Alckmin).. manda essa turma passar uma temporada c/ Lula e aproveita e leva o Zé Dirceu que ele ciscou, ciscou mas não tomou o poder.

  2. O baile tá só começando, tem muito mais corrupto pra fazer companhia p/ o Molusco não se sentir tão solitário, aproveitem que os tucanalhas não valem mais um peido e desçam a lenha sem pena.

  3. Votarei em Anastasia e depois nunca mais PSDB. Meu partido agora é Bolsonaro. Pessoal , entrem na TV Bolsonaro e vejam os videos dele na camara . Sempre foi um cara coerente, nunca fez tipo.