A primeira missão de Sergio Moro ministro

Interrogados pela Polícia Federal, os advogados de Adélio Bispo de Oliveira ficaram calados, como mostra a Crusoé desta semana.

Eles recebem em espécie e usaram jatinho para defender o autor do atentado contra Bolsonaro, mas se recusam a dizer o nome dos patrocinadores.

Esta deveria ser a primeira missão de Sergio Moro ministro: acabar com essa palhaçada e descobrir o nome dos benfeitores do autor da facada.

O futuro do Brasil: venha discutir com DIOGO MAINARDI, MARIO SABINO, CLAUDIO DANTAS e convidados. AQUI

Temas relacionados:

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 116 comentários
  1. Qualquer outro cidadão que recebe o fruto de roubo, é tratado, corretamente, como criminoso. Menos o advogado! É uma ‘super classe’? Em que são melhores que professores, médicos, policiais, etc

  2. todo mundo sabe que eh o pcc. pegaram um doido fanatico p fazer o servico. mas sendo o pcc, podem perguntar, por q nao deram um tiro? pq isso configuraria que era o pcc, com adelio isso eh um disfarce

    1. Discordo, minha tese é que foi José Dirceu com participação de Pimentel, sendo Adélio indicado pelo Psol, o tempo dirá.

  3. O aparato já tava todo armado, pra que o cara se sentisse protegido ao ponto de não entregar ninguém. A sorte dele, Adélio, foi não ter sido morto no local. E azar, pois ele tem informações.

  4. Para desvendar a TENTATIVA de assassinato de Bolsonaro com certeza passa pela descoberta de QUEM financiou os advogados ou então PENDURAR o Adélio, afinal de contas ele é um assassino e não vale n

  5. Pelo medo de informar quem os contratou, no contrato deve ter uma Cláusula que diz: “confessou, tá morto!” Assim, os caras preferem uma prisão à confissão. Ninguém achava que a facada não iri

  6. Mandantes? claro que tem. Quanto ao dinheiro veio do além. Esses adevogados de porta de cadeia estão correndo riscos, é melhor elles falarem. Parece ki eles não conhecem com quem estão lidando.

  7. Um benemérito q tivesse se apiedado do Adélio por compartilhar as mesmas idéias políticas não teria tanta proteção dos advogados. Só pode ser o(s) próprio(s) mandante(s) e notoriamente crimin

    1. Então agora é ficar na “butuca”, quem financiou pode bater asas juntamente com os adevogados, que com certeza já devem estar pra lá de preocupados. OLHOS NELES!!!

  8. Concordo com comentários do Jacson e Ricardo uma lei que facilita para lavagem de dinheiro porque os advogados deveriam ser obrigados a declarar a origem do dinheiro pelos trabalhos exercidos.

  9. não é possível que não se consiga descobrir quem pagou estes advogados? Estes crimes não tem esclarecimento? Estes advogados trabalharam de graça ou foram pagos. A palavra com a receita feder

  10. Esse crime escabroso não pode ficar sem solução, ainda mais envolvendo como vítima o próximo presidente da republica, em outro país democrático de nível, isso já teria sido solucionado.

  11. Por que esse medo todo de revelar proveniência do dinheiro? Quem não deve não teme. É obviamente dinheiro sujo de atores mal intencionados. A canalhice abjeta desses vermes é infinita.

    1. Mas, na declaração de IR, deve constar a origem do dinheiro. Portanto quem pagou. Se não, os advogados estão inscritos em declaração fantasiosa, e portanto cometeram crimes tbm.

    2. Vc acha que é a casa da mãe Joana?? .. te liga, estamos num estado democrático de direito, e vc quer que o Moro não cumpra a legislação em vigor??

  12. Receita Federal nas mãos do Ministério da Justiça…..!!!! Aí, quero ver…rs!!! Vamos acabar com o deficit público…rsrsrsrs!!! Não é Temer, Sarney, Réunan, Collor, Alkcmin, Aécio, FHC, etc

  13. Uma lei que permite que advogado se negue a dizer quem pagou é mesmo pra liberar lavagem de dinheiro, crime organizado e até apoio judicial ao crime. Tem que acabar essa farra jurídica.

    1. Recomendo ler sobre a inviolabilidade que consta na constituição e na lei mais específica que trata da profissão da advocacia.

  14. Devia haver algum mecanismo legal para impedir advogados de serem pagos com recursos de ORIGEM CRIMINOSA. Esse excesso de “blindagem” de advogados tem que acabar. Até para evitar lavagem de dinheir

    1. Deveriam emitir Nota no nome do pagador, como é obrigado qualquer profissional fazer. Da forma como é só facilita atitudes criminosas como lavagem de dinheiro.

    1. Fernando, não disse em omitir, mas sim, a confidencialidade que lhe é garantida conforme a legislação atual. Não é pq sou do executivo que posso acessar sua declaração, entende?