ACESSE

Privatização do BB é ‘assunto encerrado’, diz seu presidente

Telegram

Acompanhe nossas notícias também pelo Google Notícias.

Acesse nossa página no serviço de notícias do Google e clique em SEGUIR ou no ícone

O presidente do BB, Rubem Novaes, afirmou hoje que a privatização do banco –da qual ele é defensor– é “ assunto encerrado”, já que Jair Bolsonaro afirmou que o banco não será vendido.

“A privatização do banco é decisão política. Todos sabem do meu posicionamento, o do Paulo Guedes, mas o presidente já disse que não vai privatizar e o assunto está encerrado”, declarou Novaes em audiência da Comissão de Trabalho da Câmara, conforme o relato de O Globo.

“Mesmo que fosse decisão do Executivo, teria que passar necessariamente pelo Congresso. Sou a favor da privatização? Sou. Vai ter privatização? Não, porque o presidente já disse que não vai ter”, acrescentou o presidente do BB.

MISSÃO: BOLSONARO-2022. Leia aqui

Comentários

  • Ilzi -

    Corretíssimo. O Banco do Brasil é um banco forte. Precisa ter gestão eficiente e não de políticos corruptos, que encontram guarida em parte dos funcionários, que deviam defendê-lo com unha e dentes.

  • jose -

    O presidente do BB está esclerosado. Ao invés de fazer sua parte vendendo Banco Votorantim, Banco Patagônia e Banco América, aquisições politicas da gestão PT, fica falando bobagem sobre BB. Pa

  • Mezenga -

    Bolsonaro sempre vem com esse papo. Só é conservador no social.

Ler 19 comentários