Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Procon de São Paulo multa Enel em R$ 10 milhões

Procon de São Paulo multa Enel em R$ 10 milhões
Aneel, eletrobras Foto: Leopoldo Silva/Agência Senado

O Procon de São Paulo anunciou hoje que multou a Enel, concessionária de energia do estado, em R$ 10,2 milhões por “má prestação do serviço”.

De acordo com o órgão, consumidores registraram 21 mil queixas sobre a empresa entre 1º de junho e 7 de julho.

Segundo o Procon, entre março e maio deste ano, a Enel deixou de fazer a leitura dos relógios de energia de forma presencial para fazer a cobrança pela média de consumo do ano anterior.

Isso causou distorções, conforme as queixas recebidas pelo Procon mostraram: estabelecimentos que funcionaram normalmente ano passado este ano estão fechados por causa da pandemia e não gastaram energia, por exemplo.

Além disso, quem parcelou valores questionados para evitar o corte de energia teve de assinar uma confissão de dívida, o que é considerado prática abusiva pelo Código de Defesa do Consumidor, segundo o Procon.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO