ACESSE

Procurador rejeitado para Comissão de Mortos e Desaparecidos Políticos entra com recurso junto ao CNMP

Telegram

O procurador Ailton Benedito interpôs um recurso contra a deliberação do Conselho Superior do Ministério Público Federal, que vetou a indicação do seu nome, feita por Jair Bolsonaro, para integrar a Comissão Especial sobre Mortos e Desaparecidos Políticos.

No recurso, o procurador pergunta:

“Seria imaginável que, nomeado o Procurador-Geral da República pelo Presidente, pudesse o MPF, a pretexto de defender sua autonomia administrativa, rejeitar o nome escolhido pelo Presidente da República e aprovado pelo Senado da República?

Ou, por outra, seriam imaginável que mesmo o Senado da República, ao seu alvedrio, sob alegação da sua autonomia administrativa, pudesse rejeitar o nome do membro do MPF indicado pelo Presidente da República para o cargo de Procurador-Geral da República e aprovar outro nome qualquer?”

O hacker que entrou no Telegram das mais altas autoridades da República invadiu mensagens de jornalistas da Crusoé. SAIBA TUDO

Comentários

  • esthercorrea@ig.com. -

    Vi ontem 1 entrevista que o dr. Ailton Benedito deu ao Daniel Lopes e fiquei encantada com a sua inteligência, perspicácia e preparo. Ele é x comedido e não deixa pergunta sem reposta x bem elabor

  • Decio -

    Sinuca de bico. Pela bola 7, "os contra" estão desesperados,toda a Justiça militante luta por seus cargos e permanência,mas a rede social é implacável. Quem estiver liso nela, vai pro trono, é

  • CRodrigues -

    Adeus reeleição.

Ler 31 comentários