Projeto da bancada 'ruim de roda' é adiado no Senado

O Senado aprovou no fim da tarde o pedido de retirada de pauta do PL 3.267/2019, que favorece os motoristas barbeiros, domingueiros, mãos-duras e ruins de roda. O requerimento foi de Randolfe Rodrigues.

O projeto foi aprovado na Câmara e faz várias alterações no Código de Trânsito. Entre elas, elevar a pontuação máxima para cassar a carteira de habilitação, permitindo ao mau motorista mais oportunidades para correr além do limite de velocidade, furar o sinal vermelho, fechar os mais bem-educados e expor mais pessoas a risco de acidentes.

Na Câmara, o relator do projeto foi Juscelino Filho (DEM-MA), que gosta tanto de multa que deseja permitir ao mau motorista rodar mais para tomar mais multa ainda.

Assista abaixo a vídeo com o deputado federal Juscelino, em fevereiro deste ano, sem saber explicar essa contradição no projeto:

Leia mais: Por que os depósitos de Queiroz para Michelle Bolsonaro NÃO foram incluídos na investigação da 'rachadinha'? Estratégia
Mais notícias
TOPO