Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

PROPINA EM CAIXAS DE UÍSQUE PARA LULA

PROPINA EM CAIXAS DE UÍSQUE PARA LULA
O ex-ministro da Casa Civil e da Fazenda Antonio Palocci (PT) deixa o Instituto Médico Legal (IML) em Curitiba para exame de corpo de delito. Palocci foi preso temporariamente na 35ª fase da Operação Lava Jato, intitulada Omertà, que investiga indicios de relação criminosa entre o ex-ministro e a empreiteira Odebrecht

Em sua delação premiada fechada com a PF, Antonio Palocci foi questionado sobre a existência de testemunhas das entregas de dinheiro vivo da Odebrecht a Lula, hóspede da PF em Curitiba desde abril do ano passado.

O ex-ministro declarou ter entregado R$ 50 mil ao ex-presidente dentro de uma caixa de celular no Terminal da Aeronáutica em Brasília, durante a campanha de 2010, em frente a um motorista de Palocci chamado Cláudio Gouveia.

“Em São Paulo, recorda-se de episódio de quando levou dinheiro em espécie a Lula dentro de caixa de whisky até o aeroporto de Congonhas, sendo que no caminho até o local recebeu constantes chamadas telefônicas de Lula cobrando a entrega”, diz outro trecho da delação, obtido por O Antagonista.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO