Proposta de Alckmin de zerar déficit em 2 anos "não é factível", diz Meirelles

Em relação à proposta de Geraldo Alckmin de zerar o déficit público em dois anos, Henrique Meirelles disse hoje em sabatina do Estadão:

“Não me parece factível. É proposta mirabolante ou fantasiosa.”

O ex-ministro da Fazenda no governo de Michel Temer e ex-presidente do Banco Central no governo Lula afirmou que é preciso fazer um corte de despesas obrigatórias e mandadas pela Constituição de forma drástica.

“Sou muito cuidadoso com dinheiro público, cuido do dinheiro dos outros da mesma maneira que cuido do meu. O que eu assumo é compromisso. É possível zerar o déficit público. Dois anos, de fato, não é factível, mas minha proposta vai muito mais longe. Temos que zerar o déficit e criar superávit primário.”

Comentários

  • Aderval -

    Quase todos enganando o eleitor : se não acabar com funcionário público não conserta conta alguma. Tem mais de 1001 ítens de sacanagem nos gastos FEDERAIS para CORTAR, e ninguém falou nisso

  • Martins -

    Enquanto o Alckminóquio faz as suas propostas inalcançáveis, deputados de SP distribuem santinhos com o nº do presidente em branco. No iminente fracasso do XUXU, vão na carona com BOLSONARO. Vote 17 !

  • Rogerio -

    Quem é Meirelles ?! 17 Bolsonaro Presidente 17

Ler 14 comentários