PT busca o ‘tetra’ na Bahia

Rui Costa quer ser reeleito governador da Bahia no primeiro turno.

Seria a quarta vez consecutiva que um petista ganharia a eleição para o governo do estado sem a necessidade de um segundo turno.

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

Ler mais 39 comentários
  1. e a MEIA DIREITA NAO QUER ENTENDER, se tivesse um candidato do Bolsonaro PT nao estava nesse patamar, mas eles tb nao querem tirar o PT desse patamar pq a eles faz bem fazer aliança com PT, rouba ,mas faz.

    1. A única coisa que o PT fez pelos mais pobres foi trazer muita compania pra eles… O objetivo, que é transformar o país numa Venezuela, ainda não foi atingido, então bora lá votar mais PT povo baiano… depois que a situação estiver insuportável é só ir pra Sum Paulo trabalhar na portaria dos prédios

  2. Uma vergonha para o estado da Bahia. O ex- presidente Lula foi bem claro quando disse: Comprar votos é facil e de bainos ,se faz por R$10,00 – Acreditei que sendo um estado politizado,de grandes tradições políticas, tivessem levado isso ao pé daletra. Mas, esqueci,são todos farinha do mesmo saco

    1. BAIANOS SAO DONO DO SETOR PETROQUIMICO… ODEBRECHT E BRASKEM… JA SABE NÉ? ONDE TODA A RUÍNA DO PAÍS COMEÇOU…

  3. Grampinho, aquele frouxo neto do ACM é o responsável pela continuidade da facção baiana da quadilha petralha, comunistas com a chave do cofre. O “tampinha” se borrou todo. Canalhinha, covarde, fugiu do combate. FDP!!!!!!!!!!!!!!

  4. Triste Bahia

    Triste Bahia! Ó quão dessemelhante
    Estás e estou do nosso antigo estado!
    Pobre te vejo a ti, tu a mi empenhado,
    Rica te vi eu já, tu a mi abundante.

    A ti trocou-te a máquina mercante,
    Que em tua larga barra tem entrado,
    A mim foi-me trocando, e tem trocado,
    Tanto negócio e tanto negociante.

    Deste em dar tanto açúcar excelente
    Pelas drogas inúteis, que abelhuda
    Simples aceitas do sagaz Brichote.

    Oh se quisera Deus que de repente
    Um dia amanheceras tão sisuda
    Que fora de algodão o teu capote!

    Gregório de Mattos